Moda

Armani é ovacionado por esforço e nova coleção

MILÃO, 23 JUN (ANSA) - O estilista italiano Giorgio Armani foi ovacionado ao fim do desfile de sua linha Emporio Armani. Os aplausos do público se dirigiam ao resultado do trabalho apresentado, mas também ao esforço de Armani, que conseguiu montar a coleção mesmo diagnosticado com hepatite.
  • EFE

    O estilista italiano Giorgio Armani agradece os aplausos ao final de seu desfile em Milão


O desfile foi aberto por uma performance do campeão mundial de bike trial, o italiano Vittorio Brumotti, que percorreu a passarela sobre duas rodas, exibindo suas habilidades.

Depois da performance do ciclista, símbolo do alto desempenho esportivo na Itália, teve início efetivamente o desfile da coleção. As roupas de Armani apresentaram um aspecto juvenil, apesar do excesso de cinza em todas as tonalidades, tanto sozinho como misturado ao vermelho.

A intenção do estilista italiano era dedicar a linha Emporio Armani à nova geração individualista e de talento, que se encontra na internet e dialoga sem limites.

Para isso, Armani lança mão de casacos de seda, predominantemente escuros, mas com toques em laranja. Além disso, o italiano opta por combinar calças brancas retas com jaquetas pretas, associando o ocidente ao oriente.
Topo