Moda

Armani "merece" ser senador vitalício, diz Valentino

ROMA, 16 NOV (ANSA) - O estilista italiano Valentino afirmou em entrevista à ANSA que o também estilista italiano Giorgio Armani "merece" se tornar senador vitalício.

"Eu até participei do recolhimento de assinaturas para propor o nome de Giorgio Armani a senador vitalício", contou Valentino, referindo-se à proposta apresentada pelo parlamentar Santo Versace, da coalizão governista Povo da Liberdade (PDL), irmão de Gianni e Donatella Versace.

Segundo Valentino, Armani "ficaria felicíssimo", pois "merece isso e muito mais".

A Constituição da Itália permite que cinco pessoas possam ser indicadas ao cargo de senador vitalício, que precisa da ratificação do presidente, Giorgio Napolitano.

Para assumir o posto, é preciso ter alcançado méritos para a o país em campos sociais artísticos, literários ou científicos.

Valentino também disse à ANSA que o setor da moda foi "fortemente" abalado pela crise econômica mundial. "Hoje, não se faz mais roupas caras, eu não posso criar como fazia antes", comentou.

O estilista está em Roma para apresentar o documentário "Valentino, the Last Emperor" (2008), que narra os processos de produção das suas coleções em 2008, sua carreira e histórias de vida. (ANSA)
Topo