Moda

Do porto às passarelas, jeans tem origem simples e é símbolo de conforto

Getty Images
Calça jeans foi feita no século 15 para os marinheiros imagem: Getty Images

Com diversas lavagens e cortes, o jeans é uma peça que consegue destaque em qualquer estação do ano, seja em calças, blusas, jaquetas e até calçados, e continua sempre na moda, mesmo que seu surgimento seja tão antigo.  

A sua história começou no século 15 na França com um tecido que era produzido na cidade de Nîmes e que era usado para fazer as calças dos marinheiros e dos outros funcionários do porto de Gênova, na Itália. O material era chamado de "bleu de Gênes" (azul de Gênova, em tradução literal) pelos franceses e esse nome deu origem, com o tempo, ao termo blue jeans.   

Já no final do século 18, indústria têxtil de Maryland, nos Estados Unidos, popularizou um tecido de algodão com trama de sarja que foi apelidado de denim por ser bem parecido com o produzido em Nîmes, o "serge de Nîmes" ("sarja de Nîmes"). A confecção norte-americana vendia o material para cobrir as carroças de ouro, presentes em larga escala no estado da Califórnia por causa da corrida a este mineral precioso. Neste período, entra em cena Levi Strauss, jovem que havia deixado a Baviéra, na Alemanha, para tentar a vida na "América".   

Vendo que os trabalhadores das minas precisavam de roupas mais resistentes para o trabalho duro, Strauss decidiu em 1853 fabricar e comercializar calças feitas como denim que poderiam ser usadas pelos homens durante a jornada de trabalho, imitando o feito já realizado pelos marinheiros de Gênova.   

Após alguns anos, o sucesso do produto fez com que o fundador da marca Levi's trabalhasse mais nos detalhes, como a adição de botões de metal, rebites mais fortes, tachinhas de cobre e tingimento de índigo (azul), que no conjunto formaram o famoso modelo 501. Com o passar do tempo, as calças jeans passaram a ser usadas em ocasiões de lazer e até formais, sendo também um símbolo de revolução para as mulheres, que até metade do século 20 usavam em sua maioria saias e vestidos.   

Além disso, as calças começaram a ganhar espaço do mundo da moda, aparecendo pela primeira vez nas passarelas na década de 1970 em um desfile da grife Calvin Klein. Nesse universo o jeans nunca desapareceu e continuou sendo usado das mais diversas maneiras, em vários cortes, modelos e lavagens, conquistando desde celebridades, como a cantora pop Britney Spears que esbanjava de peças do material no começo de sua carreira, até pessoas comuns.

Topo