Moda

Calvin Klein volta a Nova York com aposta em elegância e inovação

Nova York, 15 fev (EFE).- A grife Calvin Klein apresentou hoje, pela primeira vez em uma década, sua coleção masculina em Nova York pelas mãos do estilista Italo Zucchelli, enquanto Max Azria e suas propostas para a Hervé Leger abrem espaço para uma mulher urbana, sexy e elegante.

FOTOS: Veja os looks desfilados pela Calvin Klein em NY

AP

AP

A coleção masculina da Calvin Klein, desfilada em NY, teve assinatura do estilista Italo Zucchelli



Após 11 anos desfilando em Milão, Zucchelli escolheu a atual edição da semana de moda de Nova York para voltar "ao lar de Calvin Klein", disse hoje em entrevista à Agência Efe, na qual assegurou que suas novas apostas, muito elegantes e com tecidos inovadores, são "uma homenagem" à cidade.

"Por muito tempo quis trazer a coleção masculina a Nova York, o lugar onde tudo começou", explicou o italiano, para quem suas novas apostas são uma "celebração de Nova York".

Zucchelli assegurou que sua intenção foi criar "uma coleção forte e dura, muito masculina, com a qual o homem possa se identificar", algo que traduziu em roupas cheias de elegância, em sua maioria monocromáticas e definidas por silhuetas de linhas angulares.

O estilista usou em sua coleção materiais industriais pouco comuns, como o neopreno.

Segundo Zucchelli, se trata de "um novo material que nunca foi usado para roupa e cuja técnica provém de um lugar na Itália no qual criam selins de bicicleta", com o qual conseguiu imprimir um aspecto muito moderno a diferentes peças.

Já Max Azria apresentou hoje sua coleção de prêt-à-porter para a marca Hervé Leger, na qual abriu caminho a uma mulher urbana e muito sofisticada, para quem desenhou vestidos, com silhuetas de ombros muito marcados.

Para suas criações, ele optou por toda uma gama de cores beges, bronzes, verdes, marrons e pretas misturadas com texturas exóticas, incluindo pele de serpente, e as combinou com botas altas e sandálias de altíssimos saltos.

Nesse desfile, ao qual assistiram famosas como a atriz Lucy Liu e a modelo Sofia Bush, os saltos fizeram com que mais de uma modelo tropeçasse.

Outro dos estilistas que apresentou suas apostas para o próximo outono-inverno foi o peruano Sergio Dávila, que mostrou uma coleção urbana para homem e mulher na qual a elegância caminha lado a lado com o aconchego dos tecidos naturais de seu país natal.

O peruano apresentou 20 criações para homem e seis para mulher, nas quais voltou a ficar evidente seu gosto pelos looks urbanos, elaborados com tecidos naturais como o algodão.
Topo