Moda

Cavalli aposta em homem "sem complexos" na semana de moda de Milão

Roma, 22 jun (EFE).- O estilista Roberto Cavalli aposta em tecidos leves que deixam as costas livres em sua coleção primavera-verão 2010, exibida na semana de moda masculina da Milão, na qual a grife investe em um homem que enfrenta o calor com pouca roupa.

  • Reuters

    Modelo desfila look masculino da Cavalli em Milão nesta segunda-feira (22)


A Cavalli, uma das prediletas do casal Beckham, foi protagonista hoje do penúltimo dia de desfiles em Milão, no qual, entre outras grifes, também exibiram suas propostas Moschino e Salvatore Ferragamo.

Homens ousados, que insinuam ou deixam entrever alguma parte do peitoral, são os que Roberto Cavalli acredita que estarão nas ruas no verão 2010, que não têm complexos ou medo de se exibir.

Para isso, camisetas que fogem do conceito tradicional e que adotam certa semelhança na parte superior, mas que acabam sendo apenas tela na frente e atrás.

E essa tela, em algumas ocasiões semitransparentes, toca muito ligeiramente o corpo do homem Cavalli para dar movimento e permitir que o ar penetre pelo tecido.

Nesse verão de altas temperaturas, as calças - compridas - se transformam em um discreto acessório que leva um pouco de recato a esse homem que, segundo Cavalli, voltará a mostrar os ombros.

Já Moschino defende um homem que mantém a pose mesmo com o calor, e não deixará de usar paletós, quebrando a solenidade com uma flor na lapela ou com cores vibrantes.

O estilista mostrou também calças pescador, combinadas com sapatos típicos das décadas de 20 e 30, com duas cores e cadarços.

As camisas e as gravatas finas seguem sendo protagonistas para Moschino, que, apesar de apostar em cores vivas e algumas estampas florais, não se esquece dos tons cinzentos ou escuros.

Também desfilaram hoje as grifes Salvatore Ferragamo e Dirk Bikkembergs.
Topo