Moda

Estilista italiano diz que imagem de Michael que fica é de ícone da moda

Roma, 26 jun (EFE).- O estilista italiano Roberto Cavalli, que vestiu ultimamente Michael Jackson, disse hoje que após a morte do rei do pop "permanecerá sempre sua música, sua capacidade de dominar a cena e sua imagem de ícone que marcou a moda e a história".

  • AP/Divulgação

    Croqui de Roberto Cavalli para Jackson (esq.); à dir. o cantor posa para a revista Ebony com outro look do estilista

"Tive o privilégio de conhecer pessoalmente Michael Jackson há anos e desde então construímos um relação de amizade doce e espontânea, justamente como ele era... Me impressionou seu modo de viver e de ver o mundo como uma criança", disse o estilista.

"Após sua morte me faltará sua perspectiva única, mágica e inocente sobre a vida", acrescentou.

E concluiu: "com honra e comoção posso dizer que o vesti em suas últimas aparições e me alegra ter contribuído assim em uma mínima parte para a lenda do rei do pop".
Topo