Moda

Semana de Moda masculina de Paris começa sem Galliano

AFP
Modelos apresentam criações dos estilistas Nicola Formichetti e Romain Kremer para o Verão 2012 da Mugler no primeiro dia da semana de moda masculina de Paris (22/06/2011) imagem: AFP

Lola Loscos

Paris, 22 jun (EFE).- A Semana de Moda masculina de Paris para a Primavera-Verão 2012 começou a revelar nesta quarta-feira as tendências nas passarelas, festas e diversas coletivas em uma jornada que ficou marcada pelo julgamento contra um de seus grandes protagonistas, John Galliano.

Os desfiles começaram nesta tarde, quase ao mesmo tempo em que o estilista britânico alegou perante a Corte sofrer de influências de diversas substâncias lícitas e disse não lembrar dos insultos antissemitas gravados em um vídeo cuja difusão pela internet, em fevereiro, lhe rendeu a demissão imediata da marca Christian Dior Couture e da empresa que leva seu nome.

Entre um desfile e outro, foram apresentadas também as primeiras entrevistas, iniciadas por Barnabé Hardy, criador francês de talento e de estratégia que após ter trabalhado mais de oito anos na Balenciaga, onde desenvolveu sua linha masculina, apresentou nesta quarta-feira sua sexta coleção solo.

Especialista em jaquetas de couro, suas coleções incluem sempre novas versões de seu modelo fetiche o "patchwork origami", que para o inverno 2012 contarão com detalhes trançados em branco e azul e propôs também capas para toda a linha Apple, do MacBook ao iPhone.

Inspirado em tatuagens, seu estilo para o próximo inverno não esconde um leve toque oriental, perfeito para sua clientela japonesa, mas também ocidental. Em outubro, apresentará uma coleção feminina para o estilo Prêt-à-Porter.

  • AFP

    Modelo desfila criação do estilista e ex-boxeador Arashi Yanagawa para a marca John Lawrence Sullivan

O estilista e ex-boxeador japonês Arashi Yanagawa foi o encarregado de abrir os desfiles poucos minutos depois de Galliano declarar perante os tribunais "de se sentir muito melhor" meses após ter iniciado um tratamento de desintoxicação nos Estados Unidos e na Suíça.

Conhecido por amar o contraste, Arashi Yanagawa imprime esta característica também em suas criações, destinadas a homens capazes de se permitir a certas fantasias na cor, na forma e na combinação de peças, mas que também podem passar elegantemente despercebidos, se quiserem.

Depois foi a vez de Nicola Formichetti, o estilista de Lady Gaga, que foi o responsável por um dos momentos mais aguardados do dia com suas novas criações para Thierry Mugler, marca que ressurge, assim como ele, das cinzas.

O novo diretor artístico da Mugler contou com a colaboração do estilista Romain Kremer para buscar o ideal masculino em diferentes ícones.

O objetivo era transmitir uma ideia de fantasia, sonho e voyeurismo, no qual mitos antigos e também modernos estão representados, o que preencheu sua passarela de homens do mundo do futebol, da pornografia, da Grécia clássica e também do surfe, afirmaram.
 

  • AFP

    Modelo desfila criação do estilista e ex-boxeador Arashi Yanagawa para a marca John Lawrence Sullivan

Outra estrela do dia foi o israelense Ehud, diplomado da Saint Martins College of Art & Design de Londres, instituição onde os grandes criadores do momento, entre eles o falecido Alexander McQueen e o próprio John Galliano, se formaram ou mesmo passaram uma temporada.

Requisito indispensável para desfilar em Paris, Ehud, criador de excelente alfaiataria, domina um corte impecável, trabalhado em matérias-primas tradicionais, de lã ao couro até o vinil.

A agenda do dia encerrou com Alexandre Mattiussi, nome em clara ascensão, após ter trabalhado em Dior, Givenchy e Marc Jacobs, e vivido em Paris, Milão e Nova York.

Seu sucesso comercial está garantido, pois, aspira visivelmente oferecer peças e combinações atuais fáceis de vender, elegantes e bem elaboradas, mas sem exageros.

Além de grandes desfiles e grandes entrevistas, a moda masculina em Paris passará até o próximo domingo por salões, festas, inaugurações e apresentações diversas.

Entre os eventos, tem a midiática inauguração da boutique parisiense de Ermenegildo Zegna e a apresentação de sua linha de venda pela internet em 3D, na presença da atriz e modelo Milla Jovovich.

Já a Chanel concedeu uma coletiva da temporada na noite de terça-feira para apresentar a coleção de óculos Outono-Inverno 2011-2012 Prestige.

Topo