Moda

Kering confirma saída de Alexander Wang do comando da Balenciaga

Getty Images
Alexander Wang no desfile de Inverno 2015 da Balenciaga, em março deste ano imagem: Getty Images

O consórcio francês de luxo Kering, ao qual pertence a marca Balenciaga, confirmou nesta sexta-feira (31) a decisão de não renovar o contrato do estilista norte-americano Alexander Wang, até então responsável pela direção de arte da grife espanhola.

Wang, de 31 anos, apresentará sua última coleção com a maison no desfile na semana de moda de Paris Verão 2016, e o nome de seu sucessor será revelado posteriormente.

A decisão de não prolongar o contrato, segundo o comunicado oficial, foi conjunta e põe fim a uma parceria que começou em dezembro de 2012, quando o estilista norte-americano substituiu o francês Nicolas Ghesquière.

"O reconhecido talento de Wang e sua visão criativa moderna e irreverente permitiram dar um novo impulso à marca", disseram a Kering e a Balenciaga, que desejaram ao artista "todo o sucesso que merece".

Alexander, por sua vez, garantiu que para ele foi "uma experiência única e uma honra trabalhar para uma casa de costura tão prestigiada", e disse que prevê levar sua própria marca para "uma nova etapa de seu desenvolvimento".

A notícia da não renovação foi adiantada nesta semana pela revista americana especializada "WWD". Segundo a publicação, a Kering estaria procurando um talento menos conhecido diante dos bons resultados da Gucci com a contratação, em janeiro, de Alessandro Michele como substituto de Frida Giannini.

Topo