Moda

Hora H: Conheça os tecidos utilizados na camisaria

RICARDO OLIVEROS

Da coluna Hora H

Os tecidos mais empregados na confecção de camisas são:


1. Herringbone ou Escama
O desenho da textura do tecido se parece com uma espinha de peixe. É muito usado nas camisas masculinas por ser uma alternativa aos tecidos lisos. Vai bem tanto no social quanto no casual.


2. Tricoline
É um dos tecidos mais utilizados em camisaria. Sabe aquela camisa básica branca (bem branca)? Em 99% dos casos, é feita de tricoline. Neste caso, a qualidade do algodão pode variar, desde o algodão básico ao algodão egípcio.


3. Fil a Fil
Tecido composto por um fio tingido da cor predominante do tecido e outro fio branco, produzindo um efeito mesclado ao tecido. De toque suave, é agradável para usar durante o ano todo.


4. Oxford
Tecido encorpado de origem inglesa. O entrelaçamento dos fios é composto sempre por um fio branco e outro colorido, que forma um efeito cheio de pontinhos no tecido. Diferentemente do Fil a Fil, o Oxford é um tecido bem encorpado e muito usado na camisaria esporte.


5. Pin Point
É semelhante ao Oxford, porém com um toque mais suave e os pontos do tecido são menores.

 

Para o estilista Christiano D’Carlos, especializado em camisas sob medida, os tecidos com texturas, também conhecidos como maquinetados, são ótimas opções para camisas brancas. “Temos de vários tipos desde os falsos lisos, canelados ou com efeito de listras em contraste. As possibilidades são infinitas e dão um toque extra ao básico branco”.


O linho e a cambraia também são muito empregados na camisaria, porém, faz parte do tipo de tecido o aspecto amassado e certa transparência, adverte o estilista.

 

Topo