Moda

De máscara "gagaísta", Fause Haten canta em quebra-cabeça de moda desencaixada

  • Alexandre Schneider/UOL

    Fause Haten desfila coleção no terceiro dia do SPFW Verão 2011 (11/06/2010)

Ficha Técnica


Tema/Inspiração: Híbrido: "Duas ou mais individualidades que se somam, e criam uma nova individualidade"
Formas: Variadas (amplas a ajustadas) e na mesma peça
Cores: Preto, branco perolado, azul, vermelho, mostarda
Tecidos: Laise de algodão, seda, renda, tafetá
Estilo: Fause Haten
Direção do Desfile: Zee Nunes
Styling: Não divulgado
Beleza: Ricardo dos Anjos
Trilha Sonora: Não divulgada
Cenário: Não divulgado

Nota da Editora: Lady Gaga não usou, mas provavelmente adoraria a máscara espelhada, de malha, que Fause Haten vestiu para cantar em seu desfile, o último do terceiro dia do SPFW. Em vídeo de divulgação, o estilista conta que sua ideia é buscar a individualidade e criar uma roupa mais atemporal, sem seguir modismos. Depois disso, o raciocínio é o seguinte: a colagem de várias personalidade em busca de uma própria. Aí, o estilista resolveu criar peças, cortá-las e costurá-las para formar um outro look, o da passarela. Ao querer reunir tantas personalidades diferentes para formar uma, o resultado virou uma colagem sem alma, um quebra-cabeça de moda desencaixada. Embora Fause Haten tenha dito que o raciocínio é parecido com o da coleção anterior, as roupas que fez para o Inverno 2010 tinham mais graça e também informação de moda, não necessariamente de modismos. (Carolina Vasone)

Topo