Moda

Têca mostra Japão fofo com camurça e estampas florais

CAROLINA VASONE

Enviada especial ao Rio

Grife de moda jovem, consumida por muitas garotas românticas e contemporâneas (bem diferentes das românticas e retrôs, cujos looks podem ser bonitinhos, mas nem sempre com design de moda), a marca Têca, da natalense Helô Rocha, investiu na referência japonesa para criar o Inverno 2011 de sua marca.

As saias transpassadas com modelagem levemente arredondada, numa versão "light" da saia tulipa e as calças skinny florais com estampa miúda ou maximizada devem agradar e embelezar cocotas cariocas, paulistas e nordestinas, como a atriz Carolina Dieckmann, sentada na primeira fila e um bom exemplo de cliente da marca. A cartela de cores levemente "suja" de marrom, com tons clarinhos e com o tom camelo amarelado (bastante em alta nas passarelas internacionais) é outro ponto alto da coleção, com exceção da parte com estampas maiores, que às vezes perde o frescor. Já os quimonos grandões ganharam interpretação um pouco indefinida. Os corsets curtinhos, em estampa floral, também não são muito fáceis de serem usados e precisam de peças muito bem escolhidas para não murcharem no corpo.

Com uma interpretação fofa do Japão, a grife, no entanto, mostra coleção mais adulta, graças à combinação de cores e a peças menos "girlie" e mais "jovem mulher".

Topo