Moda

No primeiro dia de Fashion Rio, protesto reivindica maior participação de negros na passarela

Fernanda Schimidt/UOL
Manifestação, durante o Fashion Rio, por maior presença de modelos negros nas semanas de moda imagem: Fernanda Schimidt/UOL

Fabíola Ortiz

Do UOL, no Rio

Na entrada do Fashion Rio, 15 modelos negros, entre homens e mulheres, todos vestidos em estilo afro com estampas multicoloridas fizeram um ato-desfile reivindicando a participação de modelos negros em todos os desfiles do Fashion Rio.

O protesto foi organizado pela ONG Educafro que trabalha pela inclusão do negro no mercado de trabalho.
Eles leram um manifesto de crítica ao Fashion Rio.  “Queremos um Brasil mais inclusivo, inclusive na moda”, disse Frei David, diretor da ONG, ao UOL.
 
Segundo um dos organizadores do desfile em tom de protesto, a ONG conquistou a inclusão de pelo menos 10% de homens e mulheres negras nas passarelas do São Paulo Fashion Week. Na semana de moda do Rio de Janeiro, eles criticam que apenas 5% do casting é de negros e reivindicam passe a ser de, pelo menos, 20%.

Topo