Moda

Maximalismo: colares gigantes definem os looks e dominam a moda

Fotomontagem/AgNews
Entre as famosas que já entraram na onda dos maxicolares estão Sabrina Parlatore, Fernanda Abreu (e a filha) e Dani Bananinha, todas flagradas em visita ao Fashion Rio, que acontece até sábado (26) imagem: Fotomontagem/AgNews

Fabíola Ortiz

Do UOL, no Rio

O uso dos maxicolares está em alta entre famosas, blogueiras e pessoas antenadas às novas tendências de moda. Nesta semana de Fashion Rio, que acontece até sábado (26) no Jockey Club na Gávea, atrizes como Íris Bruzzi, Fernanda Pontes, Monique Alfradique e Nívea Stelmann aderiram aos colares exagerados para compor o look.
 
  • Fabíola Ortiz/UOL

    A blogueira Juliana Noronha aposta em blusas com golas trabalhadas que fazem o efeito do maxicolar

“O maxicolar vai continuar no verão, e ainda mais coloridos”, diz a atriz e apresentadora Fernanda Pontes, portando um maxicolar de prata. De fato, a diretora de tendências do site Stylesight, a paulista Camila Toledo, antevê que para a próxima estação a bijuteria terá muito mais pedraria, com pedras coloridas e neon, além de formatos de flores em 3D.

De acordo com Camila Toledo, a grife italiana Prada foi uma das pioneiras dos maxicolares ao lançar uma linha composta por peças de cristal com imensas rosas de resina ou metal com acabamento esmaltado. “Os metais, tanto prateado quanto dourado, também vão aparecer”, diz Camila.

 

Exagero, mas com equilíbrio

A gaúcha Juliana Noronha, blogueira do Versatilidade.com, afirma ter aderido à moda há cerca de dois anos, mas reconhece que a tendência só pegou mesmo agora. “O maxicolar compõe o look”, diz. Ela constata que, em geral, todos os acessórios estão mais exagerados, inclusive pulseiras e brincos. Juliana aposta também em blusas com colarinhos mais desenhados e trabalhados com aplicações, que podem dar ao look o mesmo efeito de um maxicolar –como o modelo usado por ela nesta sexta-feira (25), ao visitar o Fashion Rio.
 
Para usar um maxicolar, o restante da produção tem de ser discreto. “O brinco, por exemplo, tem que ser pequenininho, só um pontinho de luz ou de cor na orelha”, ensina Camila Toledo. A especialista em tendências nota que ainda está em voga uma fase que ela chama de “pulseirismo”, “mas a mulher terá que escolher entre usar muitas pulseias ou um colar gigante na hora de se vestir”, sublinha.
 
  • Photo Rio News

    Íris Bruzzi posa para foto na edição Verão 2013 do Fashion Rio usando maxicolar de metal e pedraria

 

Maximalismo

A moda está passando por momento de maximalismo no qual os colares têm ganhado mais destaque. “A gente vai viver uma moda de extremos. Os colares fazem uma certa ironia com a moda, expressam otimismo e liberdade. A ideia é que você coloque a sua personalidade numa roupa e num estilo”, diz Camila Toledo.
 
A jornalista do site francês Pure Trend, Luiza Brasil, explica que o maximalismo apareceu pela primeira vez nas semanas de moda outono-inverno 2012. “Há dois anos que essa tendência ensaia ser o hit, mas não empolgava. Agora as pessoas começaram a aderir.
 
A consultora de moda e personal stylist da Uberstyle, Priscilla Villas, que tem acompanhado o Fashion Rio, nota que muitas mulheres que circulam pelo evento já adotaram o acessório. “Aqui no Fashion Rio as mulheres estão apostando mesmo no maxicolar. É um acessório superatual que valoriza a roupa, diz a consultora.
Topo