Moda

Fast fashion e luxo dividem lista de bilionários; moda soma R$ 430 bi

Ronaldo Schemidt/Eric Piermont/AFP
Amancio Ortega, presidente da Zara, e Bernard Arnault, do grupo LVMH, estão no top 10 de empresários bilionários da revista "Forbes" imagem: Ronaldo Schemidt/Eric Piermont/AFP

Do UOL, em São Paulo

A lista de empresários bilionários divulgada nesta segunda-feira (4) pela revista “Forbes” mostra a força do mercado de moda na economia mundial.

Das 1.426 pessoas com patrimônio superior a US$ 1 bilhão (cerca de R$ 1,97 bilhão), 26 pertencem ao mercado de moda. Sua fortuna soma mais de US$ 219,3 bilhões (ou R$ 431,71 bilhões).

No Top 10 da publicação, estão Amancio Ortega, presidente da Zara, com US$ 57 bilhões (3º lugar), e Bernard Arnault, presidente do grupo de luxo LVMH, com US$ 29 bilhões (10º). O duelo entre fast fashion e luxo pode ser percebido ao longo de toda a lista.

A presença de gigantes da moda popular é notória e atesta a importância que as roupas acessíveis têm atualmente. Líderes de empresas como Uniqlo, H&M, Forever 21, Mango, Topshop e Gap disputam colocações com representantes de grandes grifes como Chanel, Bvlgari, Hermès, Prada, Armani, Dolce & Gabbana.

Entre os destaques está a entrada da estilista Tory Burch e a presença de Sara Blakeley, fundadora do Spanx (famosa bermuda modeladora), que aos 46 e 42 anos, respectivamente, são as duas bilionárias mais jovens dos Estados Unidos.

Topo