Moda

Revista inglesa de moda faz campanha por "novo feminismo"

Reprodução/Twitter
Página da revista "Elle UK" com propaganda criada pela agência Wieden + Kennedy em parceria com o site "Vagenda", que pretende repaginar o feminismo com o fim dos estereótipos imagem: Reprodução/Twitter

Do UOL, em São Paulo

A revista inglesa de moda “Elle” levantou a bandeira feminista em sua edição Novembro 2013, que chega oficialmente às bancas da Grã-Bretanha nesta quarta-feira (2).

Com a ideia de repaginar o termo feminismo, que segundo a publicação “para muitos ficou carregado de complicações e negatividade”, a “Elle UK” convidou três grupos feministas e três importantes agências de publicidade para, juntos, bolar campanhas que representem o feminismo hoje.

Fizeram parte do projeto o site “Vagenda” ao lado da agência Wieden + Kennedy, a revista “Feminist Times” em parceria com a agência Mother, e a estudante Jinan Younis com a agência Brave.

O resultado do trabalho aparece nas páginas da edição, que traz a atriz Natalie Portman na capa, e pede a participação das leitoras nas redes sociais, por meio da hashtag # iamawomanand ( # souumamulhere, em inglês).

Mesmo antes do lançamento da revista, o projeto conta com grande repercussão online.

Topo