Moda

Verão será de estampas e cores fortes; descubra o que vai ser tendência

Divulgação
Entre as estampas, as animais terão destaque nesta temporada. Peças assimétricas, como o short-saia, também terão bom espaço imagem: Divulgação

Caroline Pereira

Do UOL, em São Paulo

O verão se aproxima e com ele uma variedade de novidades já começa a invadir as lojas. É hora de pôr em prática todas as previsões do que será tendência para essa estação que costuma deixar o corpo mais à mostra.

O UOL investigou com mais de 30 marcas diferentes e uma consultora de moda o que definitivamente vai ser visto por aí nos próximos meses. Veja abaixo.

Estampas

“Esse não vai ser um verão minimalista”, adianta a consultora de moda do Senac, Rachel Sebe Muller. Muita variedade de estampas florais, tropicais e étnicas, sob fundo claro ou escuro estarão em vestidos, shorts e até nas sóbrias saias lápis, que vêm ganhando uma cara mais descolada. Aplicações de flores, detalhes e rendas também são esperadas.

O grafismo marca presença, seja em preto e branco ou combinações mais coloridas, e vai de formas geométricas desconexas até mosaicos simétricos estampando o vestuário. As linhas também estão presentes nas listras, mas não mais como listras verticais em preto e branco, como têm sido visto nas ruas. A combinação da estação será em estilo navy, combinando o branco com azul, vermelho ou verde.

A estampa animal também chega com muita força em diversas coleções. “Ele já virou o 'pretinho básico', é uma tendência usada tanto pelas mais extravagantes quanto pelas minimalistas”, explica Rachel. Uma novidade é o rosto dos animais, que voltam à estamparia com muita força, principalmente os ferozes tigres, que estampam até vestido tomara-que-caia.

A dupla preto e branco também aparece, seja dando força ao grafismo ou apenas contracenando em detalhes da peça. Essa mistura, que exala classe e bom gosto, vai vir como um ponto de equilíbrio para a gama de cores e estampas que chegam com a estação. Por outro lado, apostar no look totalmente branco vai ser uma pedida não só nas areias da praia, mas também em centro urbanos.

Cores

O verão serã de cores fortes, nada de "candy colors" (em tons mais lavados). O domínio fica por conta de amarelos intensos, azul Klein, verde bandeira e as cores como o coral, que já vem fazendo sucesso. Como a temporada prevê muita oferta visual em termos de tons, mas também traz um descanso para os olhos com o preto e o branco, é possível equilibrar o look com facilidade, ousando somente em uma das peças ou nos acessórios. Para quem é fã dos tons neon, as cores cítricas continuam, com menos força, mas ainda é possível encontrá-las em detalhes e algumas peças.

Acessórios

Os acessórios máxi continuam firmes e fortes. “A tendência de maxijoias caiu no gosto das brasileiras e não vai embora tão cedo”, explica a consultora. Para usar bem, basta eleger uma peça máxi para compor o visual e equilibrar o look. A aposta em diversos acessórios chamativos pode gerar um efeito bacana, mas tenha cuidado para não fazer cover de Carmem Miranda (a não ser que seja essa a intenção, é claro).

Peças em destaque

Quem ainda não ouviu falar de tops "cropped", peças assimétricas e jaqueta bomber, é bom prestar atenção, pois essas peças estarão por todo lugar. Os "cropped" (blusas mais curtas) já estiveram em alta em meados dos anos 1980 e 1990, e voltaram à moda com uma leitura mais feminina e discreta, com a proposta de mostrar apenas uma pequena faixa do abdômen ou nem isso.

A combinação é ideal é com outra peça-chave da estação: a saia rodada. O estilo "lady like", bem feminino, está presente com muita força, inspirado no corte dos vestidos nos anos 1950, com a cintura marcada e a saia rodada. As saias (e vestidos) vêm com a cintura marcada, mas, diferentemente do que se via nos anos 1950, o comprimento diminuiu e as estampas passaram a marcar presença. Shorts e calças com a cintura mais alta também aparecem, o modelo flare e pantalona também devem surgir pelas vitrines.

O assimétrico já começa a ser visto nas ruas, principalmente com o short-saia de duas pontas. Camisas, camisetas, vestidos e saias também ganham formatos dinâmicos. Para combinar, é só apostar sempre na regra do equilíbrio: uma peça assimétrica, para outra mais básica. A tendência de peças com um ombro só, velhas conhecidas, também prometem voltar ao guarda-roupa.

Calças com o punho marcado e as transparências também continuam no verão, junto com as camisas de tecido leve que viraram febre no inverno.

É bom tomar cuidado

As calças com listras verticais que andaram agradando muita gente durante o inverno estão em baixa. “Toda tendência com característica muito forte e que chega com muita força, acaba enjoando rápido”, explica Rachel.

Outro que parece seguir o mesmo caminho dos sneakers e das listras verticais é o azulejo português, estampa inspirada nos desenhos românticos formados em azul e branco pelo azulejos, ela vem com muita força e conquista um número cada vez maior de fãs.

Mas é preciso tomar cuidado para que as peças não caiam muito rápido em desuso, o segredo, então, é não gastar uma fortuna em um vestido que você vai cansar de ver em breve. Melhor reservar esse investimento para tendências mais duradoras, como o preto e branco e a estampa animal. 

Topo