Moda

Saiba como renovar as roupas de lã que ficaram guardadas no armário

Getty Images
Cheiro de roupa guardada, bolinhas e manchas amareladas têm solução imagem: Getty Images

Marina Oliveira e Thaís Macena

Do UOL, em São Paulo

Com o fim do verão e o início do outono, é chegada a hora de retirar do guarda-roupa as peças de lã, tão úteis nos dias mais frios. Mas depois de meses sem usar, pode ser que você as encontre com aquele cheiro característico de roupa guardada, manchas amareladas e muitas bolinhas. 

Para tornar as peças novas e prontas para o uso, a consultora em organização Gabriela Brasil e a professora Larissa Vaz, da Companhia do Lar, que oferece cursos de economia e organização doméstica, ensinam alguns truques. De quebra, você também aprenderá a cuidar melhor dessas peças. 
 
Para tirar o cheiro de roupa guardada
Esse odor pode ser amenizado ao retirar as roupas das embalagens e colocá-las para pegar sol e vento leve no período da manhã. Se o cheiro ainda estiver forte, o ideal é lavar as peças. Nesse caso, substitua o amaciante pela mesma quantidade de vinagre de álcool, que age como bactericida. 
 
O fim das bolinhas
Há alguns truques eficientes para removê-las. O primeiro é cortar um pedaço de fita adesiva e usar a parte colante para dar leves tapinhas nas peças. Esse movimento retira não só as bolinhas, como também pelos e fiapos. Uma lâmina de depilação também pode ser deslizada com cuidado sobre a peça. A parte mais áspera de uma bucha de lavar louça é outra opção para acabar com o problema, desde que seja passada sobre a peça com movimentos circulares e suaves. 
 
Para acabar com as manchas amareladas
Utilize uma esponja levemente umedecida em água e detergente neutro e esfregue na peça suavemente. Em seguida, retire o detergente com um pano úmido. Seque com uma toalha e pendure à sombra.
 
Se a mancha for resistente, prefira levar a peça a uma lavanderia, para que receba cuidados profissionais. Em alguns casos, especialmente se a lã for de cor clara, é possível tingir a roupa, o que, além de esconder a mancha, servirá para renovar a peça. 
 
Cuidados ao lavar e passar
Peças de lã devem, sempre que possível, ser lavadas à mão, do avesso e com detergente neutro. Na máquina, pode ser utilizado o ciclo de roupas delicadas e, de preferência, água fria, que ajuda a evitar a formação de bolinhas. Além disso, é preciso ter o cuidado de só colocar na máquina peças de lã. E quanto menos, melhor, para evitar o atrito, que também leva à formação de bolinhas. 
 
Depois de lavadas, retire o excesso de água, enrolando as peças em uma toalha, mas sem torcer. Feito isso, coloque-as para secar na horizontal, num pano acomodado sobre o varal, à sombra. 
 
Se for necessário passar, evite o contato do ferro com a lã. O vapor quente, em geral, é suficiente para alisar a peça. 
 
Na hora de guardar
Cerifique-se de que as peças estejam limpas, já que com o tempo as manchas ficam mais difíceis de remover. Lavar também evita a proliferação de bactérias durante o tempo em que estarão armazenadas. 
 
Para guardar, use sacos de algodão ou TNT. Evite os sacos plásticos, que retêm umidade e favorecem o aparecimento de mofo. Para quem tem pouco espaço em casa e muitas peças de lã, os sacos de compressão a vácuo também são boas opções.
 
Outro truque das especialistas é dobrar as peças do avesso antes de colocá-las no guarda-roupa, para evitar o aparecimento de bolinhas. Peças coloridas devem ser separadas de outras mais claras por papel de seda ou tecido de algodão. Assim, não há troca de pelos coloridos ou claros de uma peça para outra. 
 
Além disso, escolha um local fresco e arejado do armário para guardar esse tipo de roupa. O calor pode danificar as fibras, assim como a incidência do sol pode alterar a cor da lã. 
 
Por fim, procure retirar as roupas dos armários mensalmente, para arejar e evitar a proliferação de ácaros.
Topo