Moda

Fashionistas explicam por que estão sempre de óculos escuros nos desfiles

Gabriel Quintão/UOL
Costanza Pascolato diz usa os óculos por questão de estilo e de necessidade imagem: Gabriel Quintão/UOL

Do UOL, em São Paulo

Ao andar pela São Paulo Fashion Week, cuja edição de Inverno 2015 teve início nesta segunda (3) no parque Cândido Portinari,  é comum encontrar estilosos por todos os lados. O perfil característico de cada um acaba marcando presença também na própria forma de assistir aos desfiles, como, por exemplo, permanecer dentro da sala com os óculos escuros no rosto. Embora o acessório acrescente charme ao look do dia, engana-se quem pensa que o uso dele é puramente estético.

A consultora de moda Gloria Kalil é fã de seu modelo Tom Ford de lentes em cor marrom que também possuem grau. “As luzes são agressivas, então opto por estar sempre de óculos escuros porque eles me dão conforto”, comenta ela, ao UOL Mulher.

Quando questionada se o pigmento na lente não acaba alterando o tom das roupas e prejudicando a análise, Gloria concordou e disse que geralmente costuma abaixar as lentes nesses momentos. “Principalmente no caso de peças em preto, que muda muito”, disse. “No mais, busco sempre retirar  também quando vou conversar com as pessoas por uma questão de educação (risos).”

Quem também está sempre munida de suas lentes é Costanza Pascolato, que dificilmente é vista sem óculos escuros aonde quer que vá –a ponto do acessório acabar se tornando parte inerente de sua persona na moda ao longo dos anos. Com seis graus de hipermetropia e quatro de astigmatismo, a consultora ainda conta que tem fotofobia.

“Claro que é super legal fazer um estilo. Da mesma forma que você escolhe as suas roupas, você escolhe os óculos que usará”, diz. “Mas no meu caso também é sobrevivência dentro dos desfiles. Sempre escolho lentes com esse degradê e o tamanho também tem a ver com a quantidade de graus que necessito.”
 

Topo