Últimas de Estilo de vida

17 presentes de moda que só quem passou o Natal nos anos 90 vai se lembrar

Divulgação/Arte UOL
Quem foi jovem na década de 90 com certeza teve ou desejou uma camiseta da Sideplay imagem: Divulgação/Arte UOL

Fernanda Schimidt

Do UOl, em São Paulo

Se você foi criança, adolescente ou adulto nos anos 90, certamente incluiu um desses itens em sua lista de desejos para algum Natal daquela época. Eles viraram "febre" e dominavam os looks femininos e masculinos. Tanto que, até hoje, muitos se lembram deles de forma nostálgica. Veja, abaixo, algumas dessas peças e suas curiosidades.

Presentes de moda dos anos 90

  • Divulgação/Arte UOL

    Scrunchies

    Os cabelos dos anos 90 não ficavam contentes em serem presos por simples elásticos, era preciso usar frufrus volumosos e coloridos. A Pakalolo, marca jovem de moda, tinha modelos que eram disputados das crianças às mulheres mais velhas. A peça ficou conhecida com scrunchie

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Nécessaire Pakalolo

    Nem só de frufrus vivia a Pakalolo. A marca era tão forte no mercado que até suas nécessaires eram cobiçadas e transformadas em presentes para o Natal. Tudo sempre com muita cor, como mandava a moda da época

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Camiseta Fido Dido

    O personagem Fido Dido foi um ícone criado nos anos 80, mas que perdurou na década seguinte como símbolo de juventude e liberdade. O desenho do personagem aparecia em camisetas, shorts e outras peças

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Camiseta Side Play

    Que Minions que nada. A década de 90 tinha outro personagem amarelo como seu favorito. O Piu-Piu, passarinho amarelo da série infantil "Looney Tunes", era sucesso absoluto em camisetas, moletons, calcinhas e outras tantas roupas vendidas pela Sideplay, loja famosa entre os jovens da época

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Jeans Fiorucci

    A década de 90 foi o grande momento do jeans. Entre as principais marcas da época estava a italiana Fiorucci. Nada de peças com elastano, justinhas e confortáveis. Os jeans daquela época eram duros, feitos para resistir ao pesado trabalho braçal

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Relógios Timex

    Quantos segundos você consegue ficar sem respirar embaixo d'água? Perguntas importantíssimas para os jovens dos anos 90 eram respondidas com a ajuda do relógio Ironman, da Timex, item entre os mais pedidos nos Natais da época. Os felizardos agraciados pelo presente gostavam de listar suas especificações: aguenta até 100m de profundidade e tem cronômetro com oito voltas

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Roupas Benetton

    Outra marca famosa era a Benetton, ou a United Colors of Benetton, impulsionada por suas propagandas com apelo à diversidade. Camisetas e moletons eram as peças mais procuradas pelos jovens brasileiros, que gostavam de sair para passear em shoppings do país vestindo um look idêntico aos de seus amigos

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Bolsas Santa Marinella

    Se você comemorou a volta das bolsas saco à moda, deve se lembrar que a tendência foi forte nos anos 90. Antes das marcas de luxo estrangeiras fincarem seus pés por aqui, era a nacional Santa Marinella que disputavam o bolso das brasileiras e davam status a elas. O modelo mochila também foi febre

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Camiseta Hard Rock Cafe

    Décadas antes das viagens internacionais se tornarem algo mais presente na vida dos brasileiros, aqueles que tinham acesso ao exterior desfilavam orgulhosos as camisetas da rede de restaurantes Hard Rock Café, que conta com filiais me diversas partes do mundo

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Moletom Planet Hollywood

    A concorrência entre aqueles que queriam fazer propaganda de suas viagens para fora do Brasil era dividida entre o Hard Rock Café e outra rede de restaurantes, a Planet Hollywood, que tinha apoio do então casal Bruce Willis e Demi Moore e dos fortões Sylvester Stallone e Arnold Schwarzenegger

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Tênis Reebok Pump

    O sucesso do tênis Pump, da Reebok, ia além dos basqueteiros daquela época. A peça era realmente fascinante: ao apertar a bolinha ali no topo da língua, o tênis inchava e ficada mais apertado. Se você exagerasse na dose, era só apertar outro botão e esvaziar o calçado

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Tênis New Balance 1600

    Se você acha que os preços exorbitantes de tênis são invenção do século 21, está enganado. Já na década de 90 os calçados caros eram o foco dos jovens, que viam nas peças pequenos símbolos de status. Entre os mais desejados estava o modelo 1600, da marca New Balance

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Tênis Adidas Hemp

    Um tênis causou polêmica na época, e como. Com a mesma intensidade com que os jovens o colocavam em suas listas de presentes, os pais torciam o nariz para a sua procedência. O modelo Hemp, da marca Adidas, era feito com fibras criadas a partir da maconha

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Mochila Company

    Como o Natal cai no meio das férias, os presentes que adiantavam o novo ano escolar eram sempre bem-vindos, desde que estivessem de acordo com as tendências do momento, é claro. Entre as mochilas favoritas estavam as da Company, que viraram referência e foram copiadas por inúmeras outras marcas

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Tiaras largas

    Elas apertavam, davam dor de cabeça, mas não podiam ficar de fora dos looks da década 90. E não adiantava ter só uma, era preciso investir em diferentes cores e acabamentos para ter certeza de que a combinação estava harmoniosa, bem ao gosto das "Patricinhas de Beverly Hills"

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Camisa Polo Ralph Lauren

    Por falar em patricinhas, outra marca que se transformou em uniforme para os adolescentes dá década era a Ralph Lauren. As camisas polo, com o pequeno bordado do jogador sobre o cavalo, eram item obrigatório tanto para meninas quanto para meninos

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Bota London Fog

    Em contraponto às patricinhas e mauricinhos, a década também deu espaço a uma forte cultura surfista, com sucesso de diversas marcas do segmento: Rip Curl, Hang Loose, Mormaii, Onbongo, Redley, OP, entre outras tantas. Mas talvez o item mais pedido em listas de Natal tenha sido as botinhas de camurça, como as da London Fog

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

Presentes de moda dos anos 90

  • Divulgação/Arte UOL

    Scrunchies

    Os cabelos dos anos 90 não ficavam contentes em serem presos por simples elásticos, era preciso usar frufrus volumosos e coloridos. A Pakalolo, marca jovem de moda, tinha modelos que eram disputados das crianças às mulheres mais velhas. A peça ficou conhecida com scrunchie

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Nécessaire Pakalolo

    Nem só de frufrus vivia a Pakalolo. A marca era tão forte no mercado que até suas nécessaires eram cobiçadas e transformadas em presentes para o Natal. Tudo sempre com muita cor, como mandava a moda da época

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Camiseta Fido Dido

    O personagem Fido Dido foi um ícone criado nos anos 80, mas que perdurou na década seguinte como símbolo de juventude e liberdade. O desenho do personagem aparecia em camisetas, shorts e outras peças

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Camiseta Side Play

    Que Minions que nada. A década de 90 tinha outro personagem amarelo como seu favorito. O Piu-Piu, passarinho amarelo da série infantil "Looney Tunes", era sucesso absoluto em camisetas, moletons, calcinhas e outras tantas roupas vendidas pela Sideplay, loja famosa entre os jovens da época

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Jeans Fiorucci

    A década de 90 foi o grande momento do jeans. Entre as principais marcas da época estava a italiana Fiorucci. Nada de peças com elastano, justinhas e confortáveis. Os jeans daquela época eram duros, feitos para resistir ao pesado trabalho braçal

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Relógios Timex

    Quantos segundos você consegue ficar sem respirar embaixo d'água? Perguntas importantíssimas para os jovens dos anos 90 eram respondidas com a ajuda do relógio Ironman, da Timex, item entre os mais pedidos nos Natais da época. Os felizardos agraciados pelo presente gostavam de listar suas especificações: aguenta até 100m de profundidade e tem cronômetro com oito voltas

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Roupas Benetton

    Outra marca famosa era a Benetton, ou a United Colors of Benetton, impulsionada por suas propagandas com apelo à diversidade. Camisetas e moletons eram as peças mais procuradas pelos jovens brasileiros, que gostavam de sair para passear em shoppings do país vestindo um look idêntico aos de seus amigos

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Bolsas Santa Marinella

    Se você comemorou a volta das bolsas saco à moda, deve se lembrar que a tendência foi forte nos anos 90. Antes das marcas de luxo estrangeiras fincarem seus pés por aqui, era a nacional Santa Marinella que disputavam o bolso das brasileiras e davam status a elas. O modelo mochila também foi febre

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Camiseta Hard Rock Cafe

    Décadas antes das viagens internacionais se tornarem algo mais presente na vida dos brasileiros, aqueles que tinham acesso ao exterior desfilavam orgulhosos as camisetas da rede de restaurantes Hard Rock Café, que conta com filiais me diversas partes do mundo

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Moletom Planet Hollywood

    A concorrência entre aqueles que queriam fazer propaganda de suas viagens para fora do Brasil era dividida entre o Hard Rock Café e outra rede de restaurantes, a Planet Hollywood, que tinha apoio do então casal Bruce Willis e Demi Moore e dos fortões Sylvester Stallone e Arnold Schwarzenegger

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Tênis Reebok Pump

    O sucesso do tênis Pump, da Reebok, ia além dos basqueteiros daquela época. A peça era realmente fascinante: ao apertar a bolinha ali no topo da língua, o tênis inchava e ficada mais apertado. Se você exagerasse na dose, era só apertar outro botão e esvaziar o calçado

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Tênis New Balance 1600

    Se você acha que os preços exorbitantes de tênis são invenção do século 21, está enganado. Já na década de 90 os calçados caros eram o foco dos jovens, que viam nas peças pequenos símbolos de status. Entre os mais desejados estava o modelo 1600, da marca New Balance

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Tênis Adidas Hemp

    Um tênis causou polêmica na época, e como. Com a mesma intensidade com que os jovens o colocavam em suas listas de presentes, os pais torciam o nariz para a sua procedência. O modelo Hemp, da marca Adidas, era feito com fibras criadas a partir da maconha

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Mochila Company

    Como o Natal cai no meio das férias, os presentes que adiantavam o novo ano escolar eram sempre bem-vindos, desde que estivessem de acordo com as tendências do momento, é claro. Entre as mochilas favoritas estavam as da Company, que viraram referência e foram copiadas por inúmeras outras marcas

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Tiaras largas

    Elas apertavam, davam dor de cabeça, mas não podiam ficar de fora dos looks da década 90. E não adiantava ter só uma, era preciso investir em diferentes cores e acabamentos para ter certeza de que a combinação estava harmoniosa, bem ao gosto das "Patricinhas de Beverly Hills"

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Camisa Polo Ralph Lauren

    Por falar em patricinhas, outra marca que se transformou em uniforme para os adolescentes dá década era a Ralph Lauren. As camisas polo, com o pequeno bordado do jogador sobre o cavalo, eram item obrigatório tanto para meninas quanto para meninos

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

  • Divulgação/Arte UOL

    Bota London Fog

    Em contraponto às patricinhas e mauricinhos, a década também deu espaço a uma forte cultura surfista, com sucesso de diversas marcas do segmento: Rip Curl, Hang Loose, Mormaii, Onbongo, Redley, OP, entre outras tantas. Mas talvez o item mais pedido em listas de Natal tenha sido as botinhas de camurça, como as da London Fog

    Imagem: Divulgação/Arte UOL

Topo