Vídeos

Caimento certo ajuda toda mulher a ficar bem-vestida; veja dicas

iStock
Para se vestir bem, não adianta comprar tudo que está na moda. Basta seguir o seu estilo pessoal e vestir o que te cai bem imagem: iStock

Do UOL, em São Paulo

Em tempos de fast-fashion e excesso de informações, quando muito se compra e muito se descarta, um erro comum é usar peças da moda que não te servem, não combinam com você e podem te deixar com um visual desajeitado.

Com algumas dicas, é possível focar no seu estilo e estar sempre bem vestida, independentemente das tendências. 

Nove dicas para estar sempre bem vestida

  • Caimento perfeito

    A dica número um para estar sempre elegante é vestir roupas que te sirvam bem. Isso significa que você deve fugir de ciladas como comprar uma peça muito apertada, só porque está barata. O caminho contrário também deve ser evitado. As roupas muito grandes devem ser ajustadas antes de serem exibidas por aí.

  • Tudo no lugar

    Primeiro, verifique as mangas. Elas não devem ser largas demais, a ponto de deixar o visual desleixado, nem apertadas, impedindo seus movimentos. O comprimento da manga longa deve ser no comecinho da mão, sem cobri-la. Depois, veja se os ombros da peça e do seu corpo estão alinhados. Por último, olhe-se de frente e de costas no espelho e note se a lingerie está marcando no tecido.

  • Comprimento da barra

    Você sabia que é preciso ter calças diferentes para cada tipo de sapato? As calças de boca aberta, como a bootcut ou a flare, por exemplo, devem ter o comprimento um centímetro acima do chão. Portanto, se você vai usá-la com sapatilha ou rasteirinha, o comprimento da barra é um, se vai usar salto, é outro e tênis, outro.

  • Praticidade

    Se você não tem tempo para fazer a barra ou ajustar suas roupas, aproprie-se de alguns truques de styling. Para não andar por aí de calças curtas ou engruvinhadas, aposte nas skinny ou retas, e dobre as barras com estilo. Os blazers que estão com as mangas muito longas podem ser arregaçados. Ou que tal colocar um cinto ou lenço amarrado na cintura para apertar blusas e vestidos largos?

  • Menos é mais

    Roupas de baixa qualidade podem parecer ótimas opções quando estão nas vitrines. Porém, com poucas lavagens, já começam a deformar, soltar costura, furar e desbotar, acabando com qualquer visual. Para estar sempre elegante, invista em poucas e boas peças, que durarão no guarda-roupa e manterão sua imagem impecável. Neste caso, menos é mais!

  • Peças-chave

    Divida seu armário em dois. De um lado, peças da moda, que, por serem usadas por um período mais curto, podem ser mais baratas e deixadas de lado antes que se estraguem. Do outro, peças-chave de qualidade. Toda mulher deve ter roupas básicas que combinem entre si e componham diferentes looks para qualquer ocasião

  • Sapato certo

    O sapato certo é sempre aquele que te serve bem. Não há nada mais deselegante do que ver uma mulher sofrendo para caminhar. Antes de comprar, experimente e ande pela loja. Verifique se não está apertado os dedos, nas laterais ou no calcanhar. Pergunte se o material laceia, para não correr riscos do calçado sair do pé depois. E o mais importante: se vai usar salto, saiba (ou aprenda) andar com ele.

  • Pequenos detalhes

    Não adianta seguir todas as regras de moda e não se sentir a vontade para criar. Para um visual sempre interessante, aposte em pequenos detalhes que façam a diferença. Use um acessório impactante, vire uma peça do avesso, ajuste um vestido com a camisa do namorado amarrada na cintura, troque os cadarços do tênis, ou seja, sinta-se livre para usar o que te faz bem.

  • Personalidade em primeiro lugar

    Uma mulher realmente elegante é uma mulher segura de si. Não use tendências que não fazem seu estilo e não deixe de usar roupas que gosta só porque saíram de moda. Vista o que tem a sua cara e reflita sua personalidade. Dessa forma, não há como errar no visual.

Topo