Moda

Stella McCartney cria clima de "festa do pijama" em Paris

Patrick Kovarik/AFP
Modelo apresenta look de Stella McCartney em Paris imagem: Patrick Kovarik/AFP

Por Catherine Bremer

PARIS - Stella McCartney infundiu um clima jovial de festa do pijama a sua coleção primavera-verão 2012 na segunda-feira, expondo vestidos-túnica de seda e terninhos com calças estampadas folgadas que poderiam facilmente ser usadas em um piquenique no campo.

Comportados, bonitinhos e discretos, vestidos justos e curtos em seda crepe de chine, tinham motivos retrô de ondas ou estampas Paisley, algumas de tamanho maior que o normal, em azul ou vermelho escuro sobre branco, remetendo aos pijamas dos anos 1940.

Detalhes laterais bordados, bainhas curvas, detalhes femininos em renda e recortes brincavam com a exposição de pernas, ombros ou barriguinhas.

Terninhos justos com calças de seda stretch pareciam leves e confortáveis, feitos para se espreguiçar. O visual e a sensação de conforto da coleção de McCartney ecoaram a da Hermes, exibida no domingo, que trouxe túnicas longas, soltas e simples.

"Adoro macacões, são tão fáceis de usar," disse McCartney, que trouxe seus três filhos pequenos ao backstage do desfile.

"Estou celebrando a estação," ela disse. "Tendo a curtir estampas, adoro estampas, mas este ano quisemos usar estampas bem conhecidas, brincar com a escala e usá-las para introduzir cores."

Bolsas a tiracolo de tecido e óculos de sol de tamanho grande com lentes circulares em molduras quadradas usavam estampas combinando com as das roupas, e as modelos, encabeçadas por Natalia Vodianova e Miranda Kerr, usaram pouca maquiagem e os cabelos presos em coques simples. Os sapatos tinham saltos simples em tons nude ou eram sandálias sem salto.

"Adorei a coleção, como sempre. Ela sempre consegue incluir tantos detalhes, mas manter a descontração," disse à Reuters a atriz mexicana Salma Hayek depois do desfile no teatro Paris Opera.

Paul McCartney também se derramou em elogios à filha. "Adorei o show, é muito belo," ele disse à Reuters no backstage, enquanto sua noiva, Nancy Shevell, disse que aprovou a coleção totalmente. O ex-Beatle se prepara para casar-se pela terceira vez e deu a entender que sua filha pode criar seu terno.

Apesar do clima de pessimismo que reina no mundo da moda no momento em que o mundo se esforça para sair da recessão, os lucros da Stella McCartney Ltd cresceram 34 por cento em 2010, enquanto as vendas subiram 20 por cento, informou a Womens Wear Daily na segunda-feira.

Uma joint venture com a varejista francesa PPR cujos clientes incluem Madonna, Gwyneth Paltrow e Annie Lennox, a grife não emprega couro ou peles em suas criações.

Topo