Moda

Alta costura de Liz Taylor arrecada US$2,6 mi em leilão

Por Chris Michaud

NOVA YORK (Reuters) - Um dos vestidos de Elizabeth Taylor da grife Dior foi vendido por 362 mil dólares, levando a 2,6 milhões de dólares o valor total arrecadado no leilão de suas roupas de alta costura na casa Christie's.

O valor do vestido de noite brocado e revestido de prata, de 1968, acompanhado de uma bolsa, havia sido estimado em cerca de 5 mil dólares, mas provocou uma guerra de ofertas entre alguns compradores determinados, o que levou o preço para cerca de 70 vezes esse valor, incluindo a comissão.

O leilão de quarta-feira foi o terceiro da série de uma semana para vender artigos históricos de Liz Taylor, como joias, roupas, souvenirs e outros itens. O evento foi marcado por um frenesi que superou a arrecadação de terça-feira, quando suas joias mais preciosas conseguiram 116 milhões de dólares.

Os fatores determinantes para os 2,6 milhões de dólares obtidos na quarta-feira - cerca de dez vezes a estimativa prévia - foram o prestígio da atriz e as ofertas competitivas feitas online de diversas partes do mundo.

Segundo a Christie's, a venda estabeleceu um recorde para um leilão de alta costura, apesar de o item mais caro da noite ter sido uma litografia da atriz feita por Andy Warhol, vendida por 662.500 dólares.

Elizabeth Taylor morreu de insuficiência cardíaca em março deste ano, aos 79 anos.

Os leilões continuarão nesta quinta-feira com uma venda de souvenirs e obras de arte. Leilões online para cerca de mil itens da propriedade de Taylor estão sendo realizados concomitantemente.

(Reportagem de Chris Michaud)

Topo