Moda

Trajes descontraídos se destacam na primeira Semana de Moda Masculina em NY

Lucas Jackson/Reuters

Por Alicia Powell De Nova York (Estados Unidos)

Camisas e cardigãs coloridos, ternos elegantes e roupa esportiva, misturados com uma fila de modelos alinhados elegantemente que imitava a feita pela polícia para identificação de suspeitos, se destacaram nos desfiles da primeira Semana de Moda de Nova York dedicada ao vestuário masculino.

Mais de 50 estilistas estão apresentando seus olhares para a Primavera 2016 no evento de quatro dias, chamado de "New York Fashion Week: Men's", uma novidade na cidade, que costuma misturar na passarela as peças masculinas nos desfiles femininos --cujo evento é bem maior e apresentado duas vezes por ano.

A dupla de estilistas Maxwell Osborne e Dao-Yi Chow, formada em Nova York, apresentou na terça-feira (14) trajes inspirados em uma fila de suspeitos da polícia para reconhecimento, em sua maioria em preto, branco e azul escuro para a coleção Primavera 2016.

"Você pode conseguir as imagens tradicionais do que seria de esperar de uma fila de reconhecimento policial... Contextualizar ou marginalizar uma determinada raça ou um certo grupo de pessoas", disse Chow. "Mas queríamos de certo modo quebrar essas noções e colocá-los como homens muito bem vestidos e reforçar a ideia de que estamos todos do mesmo jeito quando somos colocados contra a parede lado a lado."

Estavam alinhados contra a parede para o "reconhecimento" cinco modelos, jovens e mais velhos, em casacos bem cortados combinados com short ou usando calças largas cobertas com jaquetas esportivas alongadas. "Nós realmente não focamos na cor. Nós gostamos de jogar com proporção, nós gostamos de jogar com a textura", disse Chow.

Entre outros estilistas, David Hart na segunda-feira (13) mostrou uma paleta colorida de ternos e roupas descontraídas em cores do verão, alguns com miçangas.

Topo