Comportamento

Rio lança campanha de não violência contra a mulher

 

São Paulo - O Disque-Denúncia do Rio lança nesta sexta-feira (25) uma campanha para marcar o Dia Internacional da Não Violência Contra a Mulher. A campanha é baseada em crimes cometidos por homens contra suas companheiras.
 
Entre os casos estão seis homens que são procurados por cometer estupros e/ou assassinato de suas companheiras. Para todos eles há uma oferta de recompensa. A mais alta é para Willian Jefferson Lima, o Guel, que em maio de 2007 assassinou em São Gonçalo, no Rio, a namorada Joseane Monteiro dos Santos, de 18 anos, por não aceitar o fim do relacionamento.
 
Segundo levantamento do Disque-Denúncia, até outubro de 2011, o órgão recebeu 599 denúncias sobre violência sexual contra mulheres e 1.007 sobre violência doméstica.
 
Para melhor atender as mulheres, o serviço desenvolveu o programa DD Mulher, que consiste no atendimento especializado a mulheres vítimas de violência doméstica e intra-familiar. A equipe é treinada para orientar sobre como proceder em caso de violência: encaminhar a vítima ao serviço policial, psicológico, jurídico e/ou de saúde.
 
Já em Pernambuco, estado que registra alto índice de assassinato de mulheres por seus companheiros, o Disque-Denúncia desenvolve um trabalho de localização desses criminosos.
 
Todas as informações sobre estes procurados se encontram no site: www.procurados.org.br. Para passar alguma informação sobre um dos procurados ou denúncia de algum crime, o telefone do Disque-Denúncia no Rio é (21) 2253-1177. O anonimato é garantido.
Topo