Últimas de Estilo de vida

Feira gastronômica divulga a arte japonesa de decorar pratos

Ewerthon Tobace
De Tóquio para a BBC Brasil

As técnicas de decorar pratos e esculpir alimentos são um dos destaques do Encontro Mundial de Gastronomia, o Tokyo Taste, que reúne alguns dos mais badalados chefs do mundo.

Leia Mais: Notícias de Gastronomia

Ewerthon Tobace/BBC

Ewerthon Tobace/BBC

Decoração de legumes é uma das especialidades da culinária japonesa


O evento, que termina nesta quarta-feira, é o primeiro do gênero no Japão e traz, além de estandes de empresas da área de alimentos, performances de chefs, degustação de comidas e bebidas, workshops e seminários.

A indústria de alimentos espera que este evento ajude a popularizar ainda mais a culinária japonesa, principalmente por causa dos detalhes que compõe os pratos. Faz parte da cultura local apreciar a comida também com os olhos.

Para esculpir um legume ou fruta, os especialistas levam até uma hora, dependendo da complexidade da obra. As grandes redes de restaurantes do Japão possuem funcionários que são responsáveis apenas por decorar pratos. Além das esculturas, os profissionais japoneses usam flores e ervas para dar um colorido especial ao prato.

O encontro ocorre num momento em que o Japão é consagrado por guias gastronômicos como um dos países onde se come bem. No ano passado, por exemplo, os restaurantes de Tóquio ganharam mais estrelas no respeitado Guia Michelin do que qualquer outra metrópole.

"A comida japonesa é uma das que mais chama a atenção no mundo", disse o ex-primeiro-ministro do Japão, Junichiro Koizumi, na cerimônia de abertura. "Espero que este encontro ajude a promover ainda mais a nossa cozinha local", acrescentou .

Koizumi disse que, até pouco tempo atrás, era impensável para muitos japoneses que o sushi, o tradicional peixe cru sobre uma porção de arroz fosse se tornar tão popular no mundo.

Ewerthon Tobace/BBC

Ewerthon Tobace/BBC

Para o ex-primeiro ministro do Japão, a comida do país é uma das que mais atrai a atenção no mundo


Evento caro
O Tokyo Taste é realizado num momento economicamente ruim para o comércio local. Mesmo assim, o evento atraiu um bom público no primeiro dia, quando cerca de 3 mil pessoas passaram pelo local, segundo os organizadores.

Muitos desembolsaram até US$ 720 por três dias de evento para participar de todas as atividades, o que incluía uma recepção com os pratos preparados pelo chef Tanaka, do tradicional Hotel Imperial.

Tetsuya Wakuda, chef e proprietário do famoso Tetsuya's, disse à BBC Brasil que os grandes restaurantes sobreviverão à crise.

"O que acontece é que os clientes diminuíram a frequência ou estão pedindo pratos e bebidas mais baratos", disse. Para ele, no entanto, isso não significa que os proprietários estejam diminuindo a qualidade da comida oferecida.

"Muito pelo contrário. A crise está nos ajudando a renovar o cardápio e instigando nossa criatividade", falou, com muito bom humor.

DivulgaçãoEwerthon Tobace/BBC

DivulgaçãoEwerthon Tobace/BBC

O evento mostra a culinária japonesa além do sushi

Celebridades das cozinhas
O Tokyo Taste reúne os mais famosos chefs de cozinha do mundo, entre eles, Joël Robuchon (França), Ferran Adria (Espanha), Kunio Tokuoka e Seiji Yamamoto (Japão), e Nobuyuki Matsushita (Estados Unidos).

Mídias especializadas de vários países estão na capital japonesa para cobrir o evento. Com isso, os organizadores esperam que um número maior de turistas venha ao país, para experimentar in loco a tradicional comida nipônica.

Por causa da crise econômica e da valorização do iene, está cada vez mais difícil atrair turistas ao arquipélago. O governo tem como meta atrair cerca de 20 milhões de visitantes por ano, mas 2008 fechou muito aquém das expectativas, com apenas 8,35 milhões de turistas.
Topo