Casamento

Personalização é a principal tendência na escolha das lembrancinhas

Divulgação
Lembrancinhas de casamentos: garrafas de água personalizadas e cadeiras com bem-casados imagem: Divulgação

HELOÍSA NORONHA

Colaboração para o UOL

Além dos tradicionais bem-casados – elegantes, deliciosos e democráticos –, o mercado de lembrancinhas oferece um vasto leque de opções para quem deseja fechar a sua festa de casamento com a entrega de um mimo para os convidados.

Há quem prefira o bom humor: uma mania em alta é distribuir kits para combater a ressaca pós-festa. Alguns vêm com Engov, outros com óleo para massagem, e daí por diante. Também primam pelo humor os frasquinhos com “pílulas do amor” – na verdade, balas coloridas – e os pacotinhos com a imagem de Santo Antônio, ótima pedida para as dar sorte às solteiras.

A sofisticação também está em alta. De acordo com a sweet designer Juliana Boninsegna, da Que Doce Lembranças, de São Paulo, os itens feitos à mão são os mais procurados, desenvolvidos em materiais como madeira, vidro, espelho e tecido. Assim, Doces especiais, com ingredientes requintados vêm ganhando embalagens especiais, que vão de caixas em MDF até potes de vidro e latinhas personalizadas com os nomes dos noivos e a data da cerimônia.

Outro item que vem fazendo sucesso são os aromatizadores para ambientes e os sachês perfumados. Garrafas de champanhe e cupcakes especiais são os presentes mais comuns escolhidos para agradar os convidados de honra – padrinhos, por exemplo. Seguindo essa tendência, quanto mais exclusiva a lembrança, melhor. Um bom exemplo é o trabalho da designer Sonia Trabulsi, de Campinas (SP), que produz réplicas dos sapatos, do vestido e até do buquê da noiva em tela inox banhada a prata, ouro ou ródio.

Para quem vai casar e está em dúvida sobre a quantidade de lembrancinhas que deve encomendar, aí vai a sugestão da Danielle Araújo, da 1000 Ideias Lembranças, de Curitiba: “Em geral, as noivas investem cerca de R$ 5 em cada lembrança, mas temos opções a partir de R$ 1,50 cada. Para itens comestíveis, é bom multiplicar por 1,5 vezes o número de convidados. Para não comestíveis, contar 1,5 vezes o número de mulheres convidadas. Esse cálculo pode variar, é claro, dependendo da forma como as lembranças forem distribuídas”, avisa. Veja galeria de fotos com algumas opções.

Topo