Vida saudável

Obama estava certo! Comer nozes todos os dias pode mudar a sua vida

Getty Images
Mas saiba que mais do que isso nćo causa nenhum efeito imagem: Getty Images

Do UOL, em Sćo Paulo

Obama come sete amêndoas todos os dias. E ele sabe o que faz... Pessoas que consomem, diariamente, 20 gramas de nozes (denominação genérica dos frutos secos, como avelãs, amêndoas, castanhas e noz) têm um risco menor de sofrer com problemas de saúde.

Isso foi o que revelou uma compilação de todos os estudos atuais sobre assunto, liderado por pesquisadores do Imperial College London e pela Norwegian University of Science and Technology. Segundo eles, ingerir o equivalente a um punhado dos frutos por dia pode reduzir o risco de doença coronariana em quase 30%, de câncer em 15% e de morte prematura em 22%.

Além disso, o consumo também foi associado a uma redução pela metade das chances da pessoa morrer de doença respiratória, e em 40% de diabetes. Contudo, os pesquisadores ressaltam que existem menos dados sobre essas doenças, especificamente, em relação ao consumo doe nozes.

A pesquisa foi publicada na revista BMC Medicine e analisou 29 estudos feitos em todo o mundo, envolvendo 819 mil participantes, incluindo mais de 12 mil casos de doença coronária, nove mil AVCs, 18 mil doenças cardiovasculares e câncer, além de mais de 85 mil mortes.

Embora houvesse alguma variação entre as populações estudadas --homens e mulheres, pessoas de diferentes regiões e com diversos problemas--, os pesquisadores descobriram que o consumo de nozes estava associado a uma redução no risco de doença na maioria dos casos.

Relação real

Getty Images
imagem: Getty Images

"Nós encontramos uma queda consistente no risco para diversas enfermidades, indicando que existe uma forte relação subjacente real entre o consumo das nozes e os resultados diretos para a saúde, sendo um efeito bastante substancial para uma quantidade tão pequena de comida", explica Dagfinn Aune, da Imperial College London.

O que torna as nozes tão benéficas também é seu valor nutricional: são ricas em fibras, magnésio e gorduras poli-insaturadas. "Ainda existem evidências sugerindo que as nozes poderm reduzir o risco de obesidade ao longo do tempo", destaca Aune.

Topo