Alimentação

Prestes a subir ao altar, noiva do Carioca do Pânico intensifica treino para secar e definir

Thamires Andrade

Do UOL, em São Paulo

A educadora física Paola Machado já vive com o companheiro Márvio Lúcio, o Carioca, do programa Pânico, há seis anos. O casal já tem dois filhos, Nicolas, 3, e Lorena, 6 meses, e resolveu oficializar a união. Além de pensar em todos os detalhes do casório, Paola teve outra tarefa importante: secar e definir o corpo antes de subir ao altar. A morena, que escreve no blog Kilorias, contou com a ajuda da personal trainer Juliana Matos, que elaborou um treino com foco no treio abdome, glúteos e pernas.

A bela passou a fazer exercícios físicos cinco vezes na semana. Além do treinamento funcional e de musculação, ela também complementou as atividades com o pilates. "Mas a Paola começou a intensificar o treino três meses antes para alcançar esse objetivo antes de casar. Não foi só o treino, ela passou a caminhar mais e fazer exercícios aeróbicos", explica Matos.

Metabolismo acelerado

Paola, que mede 1,62 m de altura e pesa 50 quilos, nunca seguiu dieta e se permite comer o que tem vontade por ter um metabolismo muito acelerado e sempre praticar atividade física. "Tenho filhos pequenos, então na minha casa tem sempre algumas besteiras, como chocolates e biscoitos, e eu como o que eles comem também", confessa a morena, que aposta na compensação e já chegou a trocar o almoço por uma caixa de Bis.

A educadora física só segue duas regras na hora da alimentação: não misturar carboidratos no mesmo prato, nem alimentos ácidos. "Não misturo nada com comidas ácidas, pois passo mal. Então se eu como uma fruta ácida no café eu não tomo e nem como mais nada além dela", explica. Já no almoço, Paola aposta no purê com carne e salada. "Eu sou viciada em purê; como de todos os tipos e os meus preferidos são de abóbora e mandioquinha", conta.

Uma hora depois de treinar, a morena come um carboidrato, nem que seja apenas um pedaço de pão. No fim da tarde, uma salada e um wrap com queijo branco e peito de peru ou um omelete. "Apesar de não comer tão bem, eu bebo muita água, de 3 a 4 litros por dia", revela.

A morena não utiliza nenhum tipo de suplemento, mas aposta em tratamentos para reduzir as celulites e a flacidez. "Eu tomo um remédio manipulado para não ficar flácida depois da gravidez, pois já passei por duas, né? E também faço um tratamento com radiofrequência chamado Reaction", explica.

Topo