Alimentação

Destaque da Vai-Vai revela como emagreceu 5 quilos para ganhar o título de Rainha do Samba

Thamires Andrade

Do UOL, em São Paulo

"Eu não vivo o Carnaval apenas um dia, mas sim o ano inteiro". É assim que Thais Palmares começa a descrever sua rotina de preparação para a folia que participa desde os 16 anos. "A primeira vez que eu desfilei foi pela Vai-Vai, em 1996, e desde então sempre estive envolvida. Já trabalhei nos barracões, na produção, confeccionei fantasia, já fiz de tudo", explica a morena, que só se afastou da festa no ano passado por problemas pessoais.

Eleita Rainha do Samba 2013 pela Uesp (União das Escolas de Samba Paulistanas), Thais teve pouco tempo para se preparar para o concurso. "Estava acima do peso e em dois meses perdi 5 quilos e recuperei minha força física para sambar", conta. Ela credita a vitória ao apoio que teve de sua mãe. "Costumo dizer que minha mãe é meu braço esquerdo e direito, meu apoio, e foi ela que me motivou a ir atrás do que eu queria", define.

Thais explica que o concurso não observa somente a parte estética, mas também a elegância, simpatia e, claro, o samba no pé. "A gente entra de maiô, de traje de noite e depois com uma fantasia e tem um minuto para sambar", conta. A rainha acredita que levou a melhor, pois leu um poema redigido por ela sobre o Carnaval que emocionou os avaliadores.

Controle na alimentação

Para eliminar os quilinhos extras antes de vencer o concurso, Thais controlou a alimentação, mas não fez nenhuma mudança radical. "Tenho anemia, então não posso ficar cortando muita coisa da minha alimentação", revela. Um dos segredos da bela é comer de 3 em 3 horas, evitar gordura, doces e não comer carboidratos depois das 18h.

No café, Thais aposta em frutas, com fibras responsáveis por dar sensação de saciedade, e o leite, com proteína. "Também como 3 ou 4 claras de ovo cozido. Não costumo sair adotando tudo que sai por aí, mas os ovos me deram energia e eu gosto", explica.

A Rainha do Samba 2013 evita frituras no almoço e sempre aposta na combinação de carboidratos com proteína. "Como um arroz com frango, peixe, atum ou carne vermelha", descreve. Já no jantar, a alimentação é mais leve. "Como sempre uma salada e um frango grelhado", afirma.

A passista não toma refrigerante e também prioriza os líquidos na dieta. “Tomo muito chá branco, verde e vermelho, que são diuréticos. Também adoro sucos”, conta. Nos lanches, ela aposta em sanduíches naturais, barrinhas de cereal e proteína, iogurte e frutas secas.

Preparação

O concurso abriu portas para Thais e ela será um dos destaques de chão da Vai-Vai, que desfilará no Sambódromo do Anhembi no dia 8 de fevereiro com o enredo "Sangue da Terra, Videira da Vida, um brinde de amor em plena avenida - Vinhos do Brasil". "Estou muito orgulhosa de desfilar na escola, gosto de sambar no chão, mas é uma responsabilidade porque precisa evoluir sozinha, ficar atenta para não deixar nenhum buraco", afirma.

No dia do desfile, Thais costuma comer algo bem leve antes de ir para a concentração. "Gosto de comer uma salada de fruta e um frango grelhado", conta a passista, que também diminui a quantidade de líquidos. "Não tomo nada alcoólico e só molho a boca com água para não ficar com vontade de ir ao banheiro", explica.

Segundo Thais, é importante dormir bem e tomar uma dose de energético antes do desfile. "Aposto no extrato de guaraná para me dar energia durante os 40 minutos de apresentação", afirma. A passista também não costuma beber água durante o desfile, pois em sua opinião, atrapalha o desenvolvimento do samba.

Treino para fortalecer

Thais costuma frequentar a academia de segunda a sábado e mantém um treino para definir e fortalecer o corpo. "Na época do Carnaval não consigo ir todos os dias, mas sempre me esforço a ir pelo menos um dia sim, um dia não", esclarece. Além disso, a passista da Vai-Vai faz pilates duas vezes na semana, bem como aulas de spinning e alongamento.

A Rainha do Samba 2013 utiliza os ensaios da escola para treinar para o desfile. "Eu trabalho como hostess em um restaurante japonês, portanto não tenho muito tempo extra para me dedicar. Nos ensaios eu treino a resistência e os movimentos de braço, pois na hora eu os faço conforme a emoção", define a passista.

Thais não é adepta a muitos suplementos e só revela tomar colágeno e maltodextrina, que ajuda a repor as energias.  A passista aposta em massagem dreno-modeladora, tratamento com enzimas, carboxiterapia e corrente russa. “Esses tratamentos me ajudaram a perder peso, reduzir medidas e melhorar a estrutura da minha pele”, indica.

Topo