Vida saudável

Assistir a atividades físicas ajuda a manter a forma, revela estudo

Getty Images/Thinkstock
Assistir a algum esporte aumenta a frequência cardíaca, mas não substitui a prática de exercícios imagem: Getty Images/Thinkstock

Do UOL, em São Paulo

Assistir a atletas praticando atividades físicas no conforto do sofá pode ajudar a manter a forma. É o que revela um novo estudo realizado por cientistas da Universidade de Western, em Sidney, que constatou que ver outras pessoas se exercitando provoca aumento nos batimentos cardíacos e em outras medidas fisiológicas, como se a própria pessoa estivesse em movimento.

O artigo, publicado na revista "Frontiers in Autonomic Neuroscience", relatou que ao assistirem a um vídeo de uma pessoa correndo, os participantes do estudo tiveram aumento dos batimentos cardíacos, da respiração e do fluxo de sangue para a pele. Os participantes da pesquisa voltavam ao normal ao terminar de ver o vídeo.

Segundo os pesquisadores, essa é a primeira vez que foi demonstrado que a atividade dos nervos simpáticos dos músculos aumenta quando as pessoas assistem a atividades físicas.

"Gravar esta atividade nervosa fornece uma medida muito sensível da resposta fisiológica do organismo ao estresse físico ou mental", afirmou Vaughan Macefield, um dos pesquisadores e professor de fisiologia integrativa na Escola de Medicina da universidade.

"Sabemos que o sistema nervoso simpático - que abastece o coração, glândulas sudoríparas e vasos sanguíneos, bem como outros tecidos - aumenta a sua atividade durante a prática de atividade física. E agora mostramos que essa atividade também aumenta quando você assiste a uma cena de movimento", completa Macefield.

Durante o estudo, agulhas muito finas foram inseridas nos nervos de nove voluntários para registrar os sinais elétricos das fibras nervosas direcionadas aos vasos sanguíneos.

Inicialmente, os participantes viam uma imagem estática na tela do computador, enquanto os pesquisadores monitoravam as atividades nervosas. As medidas ficaram constantes. No entanto, quando os participantes assistiram a um vídeo de 22 minutos de um atleta praticando corrida , isso mudou.

"Embora as mudanças sejam pequenas, elas são as respostas fisiológicas referentes ao exercício físico" destaca Rachael Brown, que conduziu o estudo com Macefield. "Os voluntários estavam relaxados e sem nenhuma atividade muscular, o que indica que as respostas foram psicogênicas, ou seja, se originaram a partir da mente e não o corpo", ressaltou.

Ainda que o estudo tenha concluído que assistir a algum esporte tenha um efeito parecido com a prática de atividade física, os pesquisadores não recomendam desistir da academia. "Assistir a outras pessoas praticando esportes aumenta a frequência cardíaca e têm outros efeitos fisiológicos, mas nada pode substituir os benefícios para a saúde de sair do sofá e se exercitar", finaliza Macefield.

Topo