Vida saudável

De ex-magrinha a inspiração fitness, bancária revela rotina de exercícios

Ana Elisa Faria

Do UOL, em São Paulo

Erika Maruyama, 33, atribui sua boa forma à dupla: alimentação saudável e musculação. “O que eu como, mais a minha suplementação correta e supervisionada, garantem 70% do resultado. Os outros 30% vêm da malhação”, diz a paulistana vencedora do Garota Fitness Brasil 2016, concurso anual que elege a mulher mais bonita das academias do país. 

Para garantir o titulo --conquistado após sete tentativas consecutivas--, ela suou muito. “Treinei bastante, fui galgando cada degrau aos poucos, mas nunca abri mão de ter saúde. Então, desde o início, também tive orientação alimentar”.
 
A preocupação de Erika em não cometer loucuras --principalmente relacionadas a regimes malucos-- para alcançar o corpo desejado vem da infância, quando foi diagnosticada com epilepsia abdominal, doença rara que causa desconforto gastrointestinal grave, levando a fortes dores e crises de vômito. “Por conta dessa condição, eu comia pouco, pois passava muito mal, nada parava no meu estômago. Naquele tempo, eu era a ‘garota bambu’, de tão magrinha”, conta.
 
Após se curar, já adolescente, sofria com a baixa autoestima. O esporte, no entanto, a salvou. De acordo com ela, foi o professor de educação física da época que a ajudou. Assim, dos 16 aos 29, foi goleira de um time de futsal e corredora durante sete anos.
 
Pouco a pouco, Erika deixou essas duas atividades de lado para se dedicar somente à musculação. Bancária durante o dia, prefere ir à academia à noite --"no último horário possível"--, onde fica por cerca de uma hora e meia, mesclando o treinamento com um pouco de exercícios aeróbicos na esteira ou no transport. 
 
Além de malhar de segunda-feira a sábado, a Garota Fitness controla a alimentação todos os dias --com exceção de uma refeição livre na semana-- com um cardápio que inclui frango, peixes, como salmão e tilápia, batata-doce, tapioca, crepioca, salada, pasta de amendoim e arroz integral. Quando pode sair um pouco da linha, Erika, que ganhou o concurso pesando 58 kg, revela que não resiste a sobremesas, tais quais cookies e petit gateau.
 
“Nesse dia, como o que quero. Coloco o pé na jaca por completo: como três ou quatro pedaços de pizza, mando uma sobremesa e bebo refrigerante”, revela.
 
Depois de conquistar a tão desejada faixa e se tornar musa fitness, Erika Maruyama agora pretende criar um canal no YouTube para dar dicas de boa forma. “Tem várias meninas, principalmente as mestiças, que querem saber como consegui modelar meu corpo. Gosto de motivar as pessoas”.
Topo