Beleza

Saiba como controlar e tirar proveito do volume excessivo dos cabelos

Divulgação/TV Globo
Dona de cabelos naturalmente cacheados e volumosos, a atriz Paloma Bernardi controla os fios e tira proveito do volume Imagem: Divulgação/TV Globo

Isabela Leal

Do UOL, em São Paulo

Cachos desalinhados, lisos superarmados e ondulados que mais parecem um abajur. Quem tem, sabe: certos cabelos precisam de controle. Por sorte, a solução é simples. Basta um pouquinho de tempo e cuidado, além, é claro, do produto certo para cada variante do “efeito juba”. E sempre é bom aprender segredinhos que só os cabeleireiros sabem. Portanto, para ajudá-la a alinhar os fios, seja para domar o volume ou valorizá-lo, o UOL Beleza convidou um time de especialistas – Nice Cavalcante, do salão Maria Beleza (SP), Sandro Cassolari, do Cassolari’s (SP), Julio Crepaldi, do Galeria (SP) e Tiago Parente, do Crystal Hair (RJ) – que, a seguir, entregam todas as dicas, que vão desde a maneira certa de pentear até o corte ideal.

Como lavar

O mais importante é utilizar produtos adequados, como xampu e condicionador para cabelos volumosos, indisciplinados ou cabelos cacheados. Eles contêm ativos específicos para condicionar os fios, além de lavar e hidratar na medida certa para controlar o volume, direta ou indiretamente. Na hora de lavar, o certo é não esfregar (friccionar com força e rapidez, em movimentos curtos) o couro cabeludo, mas sim massageá-lo, aplicando delicadamente a ponta dos dedos em zigue-zague. Os fios mais emaranhados podem ser desembaraçados na hora de aplicar o condicionador com o auxílio de um pente de dentes largos, o cabo de um pente ou até mesmo os dedos.

Como secar

Isso vai depender da forma e estrutura do cabelo.  Os lisos e levemente ondulados podem ser secos com o jato do secador na direção do crescimento natural dos fios, de cima para baixo, com a velocidade do vento fraco e a temperatura quente para não arrepiar os fios e manter a raiz baixa, sem volume. Os enrolados, crespos e cacheados é melhor que sejam secos com um bico difusor, que pode ser usado de baixo para cima, para simplesmente modelar os cachos; ou de cima para baixo, assim, além de manter os cachos, ajuda a eliminar o frizz e diminuir o volume.

Como escovar

A primeira dúvida que surge é: o certo é escovar os fios secos ou molhados? Cabelos muito volumosos, principalmente os cacheados, não devem ser escovados ou penteados secos – ao fazer isso, os fios se separaram e os cachos desmancham, ou melhor, cachos grandes se transformam em diversos cachos menores, o que acentua bastante o volume. No caso dos lisos e ondulados armados, a mesma lógica se aplica: os fios (que estavam alinhados) e as mechas, que se formam com o movimento natural dos cabelos, se separam produzindo muito volume, principalmente quando se usa uma escova e não um pente. Além disso, escovar os cabelos volumosos secos deixa os fios eletrizados, ou seja, arrepiados e indisciplinados. Usar uma escova de cerdas flexíveis ou um pente de dentes largos para desembaraçar os cabelos, enquanto estiverem úmidos, evita a quebra dos fios e deixa o efeito armado sob controle.

O poder do finalizador

O leave-in ou condicionador sem enxágue é imprescindível quando o problema é volume. As diversas versões, como as que garantem cachos definidos, hidratação, efeito anti-frizz, maciez, facilidade para pentear, movimento natural, permitem redução do efeito pirâmide. O leave-in é um aliado, ainda, para cabelos lisos e pouco ondulados que armam de repente quando secam naturalmente. A aplicação do produto pode ser feita nos fios úmidos ou secos, dependendo da necessidade . Pode ser aplicado a partir de um dedo da raiz, do meio para as pontas ou simplesmente nas extremidades dos fios, conforme o estado de ressecamento dos cabelos e o nível de controle do volume que se quer obter. O mais importante é aplicar sempre em pequenas quantidades, evitando que o resultado final fique pesado e emplastrado, por conta do excesso de produto. E atenção: depois de aplicar o leave-in, evite passar a mão ou usar escovas, para que os fios não desalinhem e fiquem armados.

Corte amigo

Quando o assunto é corte, é claro que o gosto pessoal vem antes de tudo. Mas é inegável que um bom corte e determinadas características podem fazer maravilhas para domar volume e até mesmo facilitar os cuidados diários. Confira os truques:

·        Franja curta e reta é não ajuda quem tem cabelos muito volumosos.

·        O franjão lateral facilita o controle do volume e é moderno.

·        Fios sem repicado também tendem a ficar mais armados. Um repicado ideal é aquele sem camadas bruscas, mas gradativas, a partir da base da orelha, que tem bom caimento para controlar o efeito armado.

·        O estilo em camadas dá movimento, sem armar demais.

·        Ao contrário do que a maioria pensa, os curtos também podem ser domados, tudo vai depender da textura do fio e do estilo do corte.

Como tirar proveito do volume

Apesar do volume ser um dos campeões de queixas nos salões, o cabelo armado pode, sem dúvida, ser bonito e interessante. O primeiro passo é gostar do que se vê no espelho, o fator “se sentir bem” conta muito. Se não for esse o caso, o jeito é aceitar e aproveitar a tecnologia dos produtos para manter os cabelos bem tratados, hidratados, com um movimento natural (sem emaranhados), cachos definidos, sem frizz e com ondas bem marcadas (não muito frisadas). Sempre de acordo com o ponto fraco do cabelo.

Os penteados também são ponto a favor. A maioria dos cabelos estilizados são caracterizados por volume, seja com cachos semipresos, coques ou tranças. Para aqueles cabelos que não são lisos nem crespos,uma dica eficaz: com os fios úmidos, quase secos, enrole bobes de velcro, faça tranças largas ou um coque baixo, deixe por 15 minutos e ao soltar aplique um pingo de óleo de argan nas pontas – os cabelos ganham ondas naturais e definidas.

Outro aspecto importante é a cor. Os volumosos ganham charme e beleza com tons vibrantes e que tenham bastante luminosidade. E por fim, fios armados trazem leveza e harmonia ao rosto com formato muito quadrado ou redondo, mas devem ser usados com parcimônia pelas muito baixinhas e com rosto miúdo.

Acessórios na mira

Abuse dos grampos, eles operam milagres. Com os fios úmidos use alguns grampinhos rente à raiz, assim o cabelo seca memorizando aquela forma com menos volume. Com eles, é possível também fazer coques, torcer mechas da franja, prender atrás, fazer ninhos. Aliás, acessórios de cabelo são muito bem-vindos: tiaras, presilhas, faixas. Além de disfarçar o volume, deixam o look moderninho.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
RedeTV! Entretenimento
Redação
redetv
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Beleza
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Beleza
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Beleza
do UOL
do UOL
do UOL
Topo