Estilo de vida

Depiladoras revelam qual é o estilo de depilação íntima mais pedido

iStock
Você sabe qual é o estilo de depilação que mais tem feito sucesso nos salões? Imagem: iStock

Cecília Leite

Do UOL, em São Paulo

18/05/2015 16h32

Os estilos de depilação íntima também têm seus modismos. Nos anos 70, as mulheres costumavam aparar os pelos pubianos com tesoura, sem mudar o formato natural. “Já na década de 80, a moda era retirar apenas os que ficavam para fora do limite do biquíni e do maiô”, conta Patricia Cabral, depiladora do Werner Coiffeur, no Rio de Janeiro. Para resolver a questão rapidamente, a pinça era muito utilizada. 

Foi só nos anos 90 que a remoção com cera virou febre. A do tipo “cavada”, como ainda é chamada, era feita nos moldes dos limites do traje de banho e o estilo “filete” se consolidou como queridinho. “Os maiôs usados na série de TV “Baywatch”, conhecida no Brasil como “SOS Malibu”, eram os favoritos da década. Como eram bem cavados, a virilha era depilada mais profundamente e o resultado final era um filete vertical”, lembra Dora Martins, depiladora da Esmell Haute Coiffure, no Rio de Janeiro.

Divulgação/Baywatch
Maiôs ultra cavados da série "Baywatch" faziam sucesso nos anos 90 Imagem: Divulgação/Baywatch

Conhecida internacionalmente por “brazilian bikini waxing”, a depilação total foi a favorita por mais de dez anos seguidos no mundo todo. A técnica, que é brasileira, começou a fazer sucesso no início dos anos 2000 e possui adeptas até hoje.

Nos dias de hoje
No entanto, o que faz sucesso hoje em dia? Segundo as profissionais consultadas pela reportagem, manter alguns pelos voltou a ser a grande pedida atualmente. “É comum tirar bastante; porém, mantendo uma faixa mais larga de pelos. Eles são apenas bem aparados com tesoura e não atrapalham na hora de usar peças cavadas”, completa Patrícia Cabral, depiladora do Werner Coiffeur.

Famosas como a atriz Gwyneth Paltrow e a cantora Lady Gaga já revelaram que preferem esse estilo. E a pedido do UOL Beleza, a apresentadora e ex-BBB Angélica Morango foi às ruas para perguntar o que homens e mulheres têm preferido, quando se trata de depilação íntima. Assista abaixo:

Sua pele bem cuidada
Tirar todos os pelos não é um problema, contanto que a higiene seja feita diariamente. Segundo o ginecologista e obstetra Dr. Domingos Mantelli, de São Paulo, basta manter a boa higiene da região para evitar a entrada ou a proliferação de bactérias.

Assim como os cílios e as sobrancelhas, os pelos pubianos têm a função de, entre outras coisas, serem "para-raios" de impurezas e até prevenir doenças --por isso, a importância de higienizar bem a região, caso opte pela depilação total. "Todos os pelos têm função de proteção contra agentes nocivos externos, como produtos químicos, fungos e bactérias. Infecções sexualmente transmissíveis como herpes genital e verrugas genitais, causadas por HPV, podem ter uma 'porta de entrada' facilitada nas pessoas que se depilam totalmente, uma vez que a barreira natural está ausente. Além disso, os pelos pubianos protegem contra vulvovaginites e outras infecções cutâneas desta região", afirma Luciana Abbade.

Também é recomendado falar com um dermatologista para saber qual é o tipo de cera ou depilação ideal para sua pele, para não desencadear alergias. Ainda é indicado procurar um ginecologista que aponte os procedimentos de higiene da região, de acordo com as necessidades da mulher. 

Outra dica: “Usar calcinhas com fundo de algodão e roupas pouco apertadas, que facilitam a ventilação, também favorece qualquer tipo de depilação [evitando alergias ou pelo encravados]”, garante a ginecologista e obstetra Dra. Edinalva Braz, de São Paulo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Topo