Pele

Com ou sem furo, novo piercing de Kim Kardashian promete virar febre

Reprodução/Snapchat
Kim Kardashian exibe o piercing no lábio inferior em seu Snapchat Imagem: Reprodução/Snapchat

Juliana Simon

Do UOL

20/01/2017 15h42

Não é de hoje que Kim Kardashian dita moda. Vestidos que parecem colocados a vácuo, biquínis escandalosos e agora... um piercing. A joia colocada no lábio inferior chamou a atenção em vídeos da socialite no Snapchat e promete ser imitada pelos fãs da Sra. West ao redor do mundo.

A dúvida é se a peça é mesmo um piercing ou um acessório de pressão. Para quem adorou o novo look, os “falsos” brincos para os lábios, nariz e orelha são facilmente encontrados em lojas de bijuteria e na internet por até R$ 10.

Se o desejo é fazer uma perfuração, a dica da piercer Nathy Alves, do Wing Collor (SP), testar o look com as argolas de pressão é uma boa pedida antes de ir até estúdio.

Como o piercing é feito

Segundo a especialista, a aplicação do piercing na região do lábio inferior é rápida. Primeiro, é feita a assepsia na parte interna da boca com um enxaguante bucal e na parte exterior, com um sabonete antisséptico líquido. Depois, o local a ser perfurado é marcado. Uma pinça cirúrgica oval segura o lábio e o profissional perfura o lábio com um cateter hospitalar na espessura da joia.

Apesar da dor variar de cliente para cliente, Nathy afirma que a perfuração não costuma ser muito dolorida para a maioria. Nos primeiros dias após a perfuração, é recomendado evitar o consumo de comidas quentes, além de carne de porco, ovo, peixe e frituras em geral. A limpeza é feita somente com enxaguante bucal, três vezes ao dia. Após 30 dias, a joia pode ser trocada por um profissional e o período de cicatrização total é de três meses.

A piercer afirma que todo cuidado é pouco nesse período de 30 dias, pois há o risco de inflamação e, em casos graves, é necessária a intervenção médica. Além disso, Nathy afirma que a joia ideal é feita de aço cirúrgico, na cor prata. “Não recomendo joias coloridas para perfuração. O ideal é coloca-las somente após o período de cicatrização”, diz.

Riscos para a saúde

Apesar do modismo, o uso de piercing labial é contraindicado por profissionais da saúde. Segundo o dentista Eduardo Collet e Silva, o perigo é a dificuldade de higienizar corretamente o local.

"Na colocação, o epitélio (tecido da região) fica exposto. É uma fácil porta de entrada para resíduos, o que pode causar infecções", afirma. O especialista também alerta para os riscos na parte muscular, pois, se houver um abscesso, o pus pode passar para o músculo e caminhar para mais regiões do corpo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Beleza
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Beleza
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Revista Caras
do UOL
Revista Caras
Revista Caras
Band Terra Viva
Topo