Decoração de ambientes

Adaptações simples deixam a casa mais segura e melhoram a vida dos idosos

Thalita Peres

Do UOL, em São Paulo

19/09/2016 15h20

A velhice chega para todos e as mudanças na casa para ampliar o conforto e evitar acidentes são necessárias em grande parte das vezes. O UOL elenca algumas adaptações rápidas e simples de serem executadas e que podem aumentar a independência dos idosos, bem como melhorar a qualidade de vida a custo baixo.

Fonte: Ana Maria Fasanella, arquiteta e professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Consulta: Americanas.com; C&C; Extra; Leroy Merlin; Walmart.

 

  • Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL
    Rogério Doki/ Arte UOL
    Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL

    Crie contrastes

    A primeira etapa do processo visa o trabalho sensorial e visual: invista, por exemplo, em criar um contraste de cores para melhorar a visibilidade de instalações, móveis e objetos. Se a sala de estar tem piso de madeira clara, opte por um sofá com matiz mais vibrante ou escuro. Como a visão fica mais fraca, as diferenças marcantes ajudam a minimizar os 'enganos' do dia a dia, como sentar 'em falso'. Outro cuidado interessante é melhorar a iluminação junto ao chão, com a instalação de balizadores que permitam a identificação de objetos que possam obstruir o caminhar.

  • Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL
    Rogério Doki/ Arte UOL
    Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL

    'Ajude' os ouvidos

    Assim como a visão, a audição também pode diminuir ao longo dos anos. Para que o interfone ou a campainha seja mais perceptível para o idoso, troque o aparelho por modelos específicos para surdos ou pessoas com perdas auditivas. Estas versões têm sinalizadores luminosos e podem ser baratinhas, com preços à partir de R$ 34. Caso o velhinho divida a casa com familiares, outra ideia 'sonora' é instalar uma babá eletrônica no quarto e acompanhar solicitações noturnas e pedidos de ajuda com mais proximidade, sem invadir tanto a privacidade do indivíduo.

  • Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL
    Rogério Doki/ Arte UOL
    Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL

    Atente-se aos detalhes

    A maçaneta da porta parece inofensiva, mas não é: as em formato de bola ou com puxadores redondos podem dificultar o manuseio, porque demandam mais força na empunhadura. Neste caso, basta trocar por uma do tipo alavanca. O mesmo vale para os misturadores das torneiras. Outro detalhe importante é proteger as pontas e cantos vivos dos móveis para evitar batidas e, consequentemente, machucados. É fácil resolver esta questão: compre e aplique protetores de quina e cantoneiras em silicone ou plástico. Esses produtos são fáceis de encontrar e há opções por menos de R$ 10.

  • Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL
    Rogério Doki/ Arte UOL
    Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL

    Remova os obstáculos

    Para que os idosos consigam se locomover com tranquilidade pela casa, retire os tapetes para evitar tropeços, escorregões e tombos. O cuidado vale, especialmente, para os inocentes capachos usados em cozinhas ou banheiros. Também é interessante trocar utensílios, objetos e aparelhos de lugar, facilitando o acesso e evitando a demanda por bancos ou escadinhas. O ideal é que a mobília mantenha as coisas mais usadas ao alcance da mão, preferencialmente na altura média de 1 m. Outra ação que facilita o uso é instalar um adaptador de assento ao vaso sanitário, para a elevação da bacia. O acessório é facilmente encontrado em lojas de produtos para fisioterapia e insumos médicos.

  • Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL
    Rogério Doki/ Arte UOL
    Imagem: Rogério Doki/ Arte UOL

    Nada de 'dar um jeitinho'

    Adaptações estruturais como corrimãos e apoios em corredores e nos banheiros (áreas do boxe e próximas ao vaso sanitário), substituição de escadas por rampas e trocas de pisos escorregadios por antiderrapantes são interessantes e muito úteis, mas não devem ser improvisadas. Ao fazer uma pequena obra como esta, consulte um profissional especializado, seja um arquiteto ou engenheiro civil. Assim, os cálculos serão precisos e os materiais, mais bem pensados.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Folha de S.Paulo
do UOL
Revista Ana Maria
Band Terra Viva
Projetos
Projetos
TV CARAS
do UOL
Bbel
TV Jornal
TV Jornal
Band Terra Viva
Band SP Interior
Band Terra Viva
AFP
do UOL
Casa e Decoração
do UOL
Projetos
Casa e Decoração
Vírgula - Comportamento
Harper's Bazaar
Vírgula - Comportamento
Itmãe
Folha de S. Paulo
Folha de S. Paulo
It Mãe
Revista Ana Maria
TV Jornal
do UOL
do UOL
Revista Arquitetura & Construção
Vírgula - Comportamento
Casa e Decoração
TV Jornal
Revista Caras
Casa e Decoração
Vírgula - Comportamento
Folha de S. Paulo
Folha de S. Paulo
Projetos
Vírgula - Comportamento
Topo