Estilo de vida

Ano novo, casa nova! Veja substituições que podem baratear a obra

Getty Images
Reforma ou construção a custo baixo? Claro que dá, é só substituir e planejar Imagem: Getty Images

Simone Sayegh

Colaboração para o UOL, de São Paulo

Em tempos de crise, a palavra de ordem é economia. Construções e reformas exigem investimento, mas não é preciso fazer dívidas para deixar a casa bonita, basta um bom planejamento e personalidade. Optar por revestimentos mais baratos com bom apelo visual ou soluções que minimizam o uso de materiais e elementos acessórios ajudam a enxugar a despesa.

Fontes: Alessandra Abdala, arquiteta; Iago Patucci, arquiteto; e Renato Dalla Marta, arquiteto do escritório AUM.

#crise

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images

    Menos revestimentos 'padrão'

    Adesivos e papeis de parede rendem bons efeitos visuais e são alternativas para a decoração e proteção de paredes internas que, em princípio, receberiam azulejos, tecidos, placas cimentícias ou mesmo pintura. Há versões de papéis e adesivos específicos para áreas molhadas e variedades adequadas a gostos diversos. Com isso, é possível reduzir em até 70% o valor dessa etapa da obra. Leia mais

  • Imagem: Maira Acayaba/ Divulgação
    Maira Acayaba/ Divulgação

    Sem rebaixo

    Rebaixos em gesso podem representar gasto significativo na hora de reformar. Uma opção é manter a laje existente e trabalhar a iluminação com trilhos ou peças de sobrepor instalados sem necessidade de quebra-quebra. E, apesar da ausência do rebaixo, os cortineiros não precisam ser abolidos, basta usar rodapés lisos e perfis metálicos que, após serem instalados, devem ser calafetados com massa corrida. Uma dica: para o acabamento ficar impecável espere trincar e, só depois, aplique mais uma demão.

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação

    Troque pedras por porcelanato

    Áreas que receberiam piso de mármore ou granito podem ser revestidas com porcelanatos instalados com junta seca, que garante uniformidade e um acabamento mais refinado. Além da excelente durabilidade, o custo pode ser até 50% mais barato dependendo do material escolhido. E, para quem não quer abrir mão do aspecto natural, a saída é buscar porcelanatos que imitam pedras. Leia mais

  • Imagem: Kiko Masuda/ Divulgação
    Kiko Masuda/ Divulgação

    Adote o 'estilo norte-americano'

    Para a área do closet, uma boa ideia é excluir as portas do projeto e adotar o chamado "estilo norte-americano", todo aberto, e assim reduzir o custo da mão-de-obra e do material. Outra dica para esta área é substituir algumas gavetas por outros meios de armazenamento como nichos ou prateleiras, pois as ferragens elevam o custo.

  • Imagem: G. Oliveira/ Divulgação
    G. Oliveira/ Divulgação

    Meia parede

    Precisa cortar os gastos, mas não abre mão de azulejos ou pastilhas nas de paredes dos banheiros? Recubra apenas metade das superfícies e trabalhe com pintura na parte superior, até o forro, ou limite-se a aplicar o revestimento apenas na área do box que, efetivamente, é a que precisa de proteção.

  • Imagem: Divulgação
    Divulgação

    Cimento queimado é a solução

    O cimento queimado pode ser o "pulo do gato" quando a intenção é ter um acabamento resistente e moderno, além de ter um bom custo benefício. Com um ar contemporâneo, o material pode ocupar o lugar de revestimentos convencionais como pastilhas em diversos tipos de ambientes e estilos.

  • Imagem: Leonardo Finotti/ Divulgação
    Leonardo Finotti/ Divulgação

    Não confunda marca e produto

    Muitas pessoas temem certos tipos de acabamento por confundirem a solução com uma determinada marca. Bancadas de quartzo - por exemplo - são resistentes e sofisticadas e, atualmente, há diferentes fornecedores do material no Brasil. Vale a pesquisa.

  • Imagem: Fran Parente/ Divulgação
    Fran Parente/ Divulgação

    Parede pelada (!)

    Quer economizar em argamassas, tinta e mão-de-obra na hora de reformar? Que tal deixar alguma parede "nua", com tijolos bem assentados aparentes? O toque rústico vai bem em diferentes tipos de decoração e pode sofrer variações com demãos de tinta ou verniz.

  • Imagem: Ana Mello/ UOL
    Ana Mello/ UOL

    Variações do mesmo material

    Materiais como pedras naturais detém uma gama imensa de opções que, muitas vezes, tem preços mais altos pela raridade ou beleza e não necessariamente por suas propriedades. Há, por exemplo, uma infinidade de tipos de granitos no mercado, inclusive a opção que os decoradores e arquitetos chamam de "bom, bonito e barato": é o granito preto São Gabriel.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
Redação
Moda
do UOL
do UOL
Redação
Redação
Redação
UOL Estilo
Redação
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
Moda
do UOL
Redação
UOL Mulher - Moda
Redação
do UOL
do UOL
Redação
Redação
Redação
Da Redação
do UOL
Redação
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
Comportamento
Moda
do UOL
do UOL
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
UOL Estilo
do UOL
Redação
do UOL
BBC
Topo