Casa e decoração

Ícones pop invadem a decoração da casa; veja como usar

Thalita Peres,

do UOL, em São Paulo

02/04/2016 09h04

Audrey Hepburn (imortalizada pelo filme "Bonequinha de Luxo") ganhou representações pictóricas em diversas técnicas: fundo de papel jornal, foto estilizada, nanquim. A modelo Twiggy teve suas sobrancelhas apagadas e o cabelo pintado de roxo em um quadro e uma mistura da pintora Frida Khalo com o personagem Harry Potter (foto) está prontinha para alegrar sua parede.

Reprodução/ Instagram @urbanarts
O quadro que mistura Frida Khalo e Harry Potter foi desenhado por Camila Oliveira e está à venda na Urban Arts Imagem: Reprodução/ Instagram @urbanarts
Estes são apenas alguns ícones pop que ganharam releituras 'fashionistas' e se tornaram peças de decoração. Os itens que vão de posteres a estampas para revestir estofados se encaixam em diversos estilos. “Esses elementos podem decorar qualquer cômodo da casa, desde que estejam dentro do conceito proposto para o espaço”, explica a arquiteta Joana Requião. Não existe regra absoluta, vale o bom senso para integrar a peça ao entorno. 

Com chamam a atenção, os objetos nessa linha mais comuns e fáceis de incorporar são os quadros, mas não basta bater um prego e pendurar: Existe uma infinidade de modelos, então é  importante observar altura, proporção, combinações e a dimensão da parede. Investir em obras de qualidade e caprichar na manutenção vão garantir que seus quadros fiquem sempre bonitos e vistosos, detalham as arquitetas Barbara Gomes e Giulliana Savioli.

Mundo pop

  • Imagem: Instagram/ @decoracao_criativa
    Instagram/ @decoracao_criativa
    Imagem: Instagram/ @decoracao_criativa

    Pano de fundo

    Para começar a decorar sua casa com quadros de teor pop, não se baste naquela parede básica da sala de estar. Que tal brincar com cores e personagens em uma superfície menos neutras? "Gosto muito de usar paredes mais escuras quando há peças mais irreverentes, há um efeito de destaque", afirma a arquiteta Joana Requião.

  • Imagem: Instagram/ @lilacgallerynyc
    Instagram/ @lilacgallerynyc
    Imagem: Instagram/ @lilacgallerynyc

    Moderno, mas nem tanto

    Se você acha que é ousadia demais mesclar as diferentes cores ou temas muito díspares, nada impede que sua escolha seja mais clássica. "Na dúvida, use cores neutras. É importante também avaliar o impacto que você quer dar àquela peça que vai estar na parede. Se quiser destacá-la, ter um fundo em cor contrastante com as do quadro ajuda", completa Joana Requião, que comanda um estúdio de arquitetura.

  • Imagem: Pinterest
    Pinterest
    Imagem: Pinterest

    Vá além da sala

    Não pense que os quadros divertidos têm espaço limitado na decoração. Quarto, escritório, banheiro e até cozinha podem ganhar um obra. Se o desejo é colocar um exemplar no banheiro, opte pelo lavabo: o vapor do chuveiro tende a deteriorar a peça. Na cozinha, tenha cuidado redobrado com a limpeza, pois a gordura acumula facilmente. Neste ambiente, também vale dispor versões com vidros ou superfícies plastificadas em vez de papel ou tecido.

  • Imagem: Pinterest
    Pinterest
    Imagem: Pinterest

    Olhe para baixo

    Esqueça aquela máxima de que os quadros precisam estar pendurados na parede. O chão do espaço pode - e deve - ser aproveitado para expor suas 'relíquias pop'. Que tal posicioná-los em algum lugar com pouco fluxo ou em cima de alguma bancada para garantir que fiquem resguardados?

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Folha de S.Paulo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo