Casa e decoração

Cercas vivas são opção para isolamento e proteção de áreas sem construção de muro

ANTÔNIO SAMPAIO

Colaboração para o UOL

16/03/2010 07h00

Muros feitos com plantas, ou cercas vivas, são uma alternativa para quem quer fazer o isolamento de uma área da casa, especialmente ao ar livre, mas não se quer construir uma parede ou muro. Elas servem também para delimitar um caminho, dar maior privacidade a uma área, barrar correntes de ar ou até "esconder" uma grade ou algum detalhe arquitetônico indesejado.

As opções são muitas, de diversas alturas, em diversos tons de verde e texturas, com ou sem floração (que podem trazer ainda seu perfume como bônus) e com ou sem espinhos (que podem ser usados para dar mais segurança ou barrar animais). Na hora de escolher, porém, é preciso tomar alguns cuidados para tirar o melhor proveito da cerca viva e não se decepcionar com o resultado final.

Em primeiro lugar, é importante levar em conta que plantas, diferentemente dos tijolos usados em muros de alvenaria, são seres vivos com características e necessidades próprias. Por isso, as espécies escolhidas devem se adequar ao espaço e à altura da cerca que se pretende erguer, para que o arbusto não seja "torturado" com podas excessivas, no caso de ser grande demais para o espaço, ou para evitar que o efeito final deixe a desejar por conta de plantas muito baixas.

É válido observar também se há lajes e encanamentos nas proximidades da cerca viva. Algumas plantas têm raízes muito fortes e profundas que podem destruir canos e até concreto. Além disso, plantas que derrubam muitas folhas podem provocar o entupimento de calhas e ralos próximos. Informe-se sempre sobre o tipo de manutenção que cada planta demanda.

Assim como para os jardins em geral, as melhores épocas para se plantar uma cerca viva são a primavera e o verão, ou seja, períodos de mais umidade e chuva. O tempo que a cerca leva para crescer e "fechar" depende da espécie escolhida, do tamanho da muda transplantada e da preparação do terreno, podendo chegar a mais de seis meses.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo