Casa e decoração

Exposição fotográfica no RJ resgata importância da arquitetura art déco

Da Redação

17/11/2010 19h10

Imagens de fachadas, interiores, monumentos e detalhes arquitetônicos e de decoração estão reunidos na exposição "Rio Art Déco", que abre nesta quarta-feira (17) na Caixa Cultural do Rio de Janeiro. A mostra é composta por mais de cem imagens feitas pela fotógrafa Lena Trindade. “Com esse trabalho mostro o que restou dessa época, e, quem sabe, alerto as autoridades para a necessidade da permanência dessa marca cultural na cidade do Rio de Janeiro”, diz a autora das fotos.

Algumas imagens são bem familiares ao carioca, como o Cristo Redentor e a escadaria do cinema Roxy, em Copacabana. Outras matam a curiosidade, como o interior do Edifício Biarritz, na Praia do Flamengo e de outros prédios no Largo do Machado e Alto da Boa Vista. O estilo art déco está presente também no imenso hangar da Base Aérea de Santa Cruz, com 274 metros de comprimento e 58 m de altura, construído para abrigar o Zeppelin.   

Entre os destaques estão o prédio da Associação Comercial do Rio de Janeiro e seu famoso painel "Riquezas do Brasil", construído em 1940, a partir do projeto do arquiteto francês Henri Pierre Sajous. Foi ele quem projetou o Edifício Biarritz (na Praia do Flamengo), o prédio da antiga Mesbla (no Passeio) e a Igreja da Santíssima Trindade (na Rua Senador Vergueiro, no Flamengo). No Edifício Paissandu, de 1929, projeto de Eduardo Pederneiras, são encontrados materiais nobres como o mármore e o granito, e vidros decorados.

“O estilo art déco na arquitetura chegou nos anos 20 e 30, e ocupou vários bairros do Rio de Janeiro, quando a vida na cidade se modernizava, a indústria se instalava e o Rio era uma cidade pronta para receber de maneira gentil e vibrante as informações de um novo tempo”, afirma Lena Trindade.

As fotos que compõem a exposição são apresentadas em um ambiente que também traz móveis e alguns objetos no estilo art déco. Haverá ainda uma projeção contínua do curta-metragem sobre a construção do mais importante símbolo carioca, o Cristo Redentor, escultura que ganhou linhas art déco a partir do desenho do escultor francês Paul Landowski. O filme é assinado por Isabel Noronha, bisneta do engenheiro Heitor da Silva Costa, autor do projeto.

SERVIÇO:
Exposição fotográfica “Rio Art Déco”

Local: Caixa Cultural Rio de Janeiro – Grande Galeria
Endereço: Avenida República do Chile, 230, anexo 3º andar, Centro, Rio de Janeiro (RJ)
Visitação: 17 de novembro de 2010 a 30 de janeiro de 2011
Horários: De terça a sexta, das 10h às 18h; sábados, domingos e feriados, das 14h às 18h
Ingresso: Entrada franca

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Folha de S.Paulo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
Casa e Decoração
do UOL
Casa e Decoração
do UOL
BBC
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
Blog Casa de Viver
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
Blog Casa de Viver
Folha de S.Paulo
Folha de S.Paulo
Topo