Casa e decoração

Feira do setor de móveis concentra lançamentos nas classes B e C

Fotomontagem/Divulgação
Um dos destaques do evento foram os móveis modulados, projetados para os espaços restritos dos imóveis atuais. Itens para escritórios e home offices também estiveram em evidência Imagem: Fotomontagem/Divulgação

SIMONE SAYEGH

Colaboração para o UOL

13/08/2011 10h00

Mostrar as atualidades do setor moveleiro, principalmente o destinado às classes B e C é o principal objetivo da Feira Internacional Brasil Moveis realizada no Anhembi, São Paulo. O maior destaque nesse segmento são os móveis modulados para espaços restritos, que dessa vez aparecem com mais detalhes como pontos de brilho, revestimentos que imitam pele de crocodilo, madeira maciça e até impressão de imagens.

O MDP (Painel de Partículas de Média Densidade –um painel de madeira industrializada) aparece como o material mais empregado na fabricação de portas, divisórias e bancadas. Além de móveis residenciais, a feira reuniu algumas empresas do segmento corporativo, que trouxeram bancadas de trabalho, cadeiras e poltronas profissionais que, de fato, hoje também compõem os interiores residenciais nos home offices.

Realizada de 9 a 12 de agosto, a feira nasceu na Associação das Indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul (Movergs) e esse ano contou com cerca de 150 expositores do segmento para receber mais de 30 mil pessoas ligadas ao setor, entre lojistas e clientes potenciais vindos de diversas regiões do país.

Além das negociações provenientes dos lançamentos dos fabricantes de móveis, o encontro conta também com o Projeto Comprador. A ação, realizada através do Projeto Brazilian Furniture e com o apoio da Agência Brasileira de Promoção de Exportação e Investimentos (APEX-Brasil), tem o objetivo de alavancar as exportações brasileiras de móveis. Para isso, nos dias 10 e 11 de agosto foi promovido um encontro com importadores vindos do Chile, Colômbia, Estados Unidos, México, Panamá e Peru.

Em paralelo à feira foi montando um espaço destinado à exposição dos lançamentos das empresas de tecidos para decoração  integrantes do Comitê TexBrasil Decor (ABIT). O Comitê é composto por 22 empresas, e trabalha com o objetivo de proporcionar maior visibilidade aos tecidos de decoração das empresas brasileiras. No primeiro dia do evento o comitê lançou uma cartilha de costurabilidade uso e conservação de tecidos para decoração.

A feira também conta com a promoção da Reed Multiplus e apoio da Abimóvel (Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário), Anhembi Parque e ABIT (Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Blog Casa de Viver
Blog Casa de Viver
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
Blog Casa de Viver
Folha de S.Paulo
Folha de S.Paulo
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
UOL Estilo
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
UOL Estilo
do UOL
Blog Casa de Viver
BBC
UOL Estilo
UOL Estilo
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
Blog Casa de Viver
do UOL
BBC
do UOL
Casa e Decoração
Blog Casa de Viver
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
Topo