Jardinagem e paisagismo

Mexer com plantas alivia as tensões e ajuda a reforçar a autoestima

Divulgação/Montagem/UOL
"Ver algo brotar da terra, sabendo que fomos responsáveis pela semente, é algo muito gratificante", afirma Ricardo Monezi, pesquisador da Unifesp Imagem: Divulgação/Montagem/UOL

Marina Oliveira e Thaís Macena

do UOL, São Paulo

27/03/2013 07h00

Abrir um espaço em casa para abrigar um jardim não é só uma maneira de integrar a natureza ao cenário urbano. A jardinagem é também uma atividade extremamente relaxante e que pode trazer diversos benefícios à saúde mental. Para início de conversa, ela ajuda a diluir preocupações e frustrações do dia a dia, à medida que canaliza a atenção para algo que dá prazer. Porém, como se trata de uma atividade que permite o contato direto com as plantas, os benefícios deste hobby podem ir além. 

"Não é só mexer com a terra, é cuidar de outra vida, e isto tem um valor imenso para o nosso emocional", afirma Ricardo Monezi, pesquisador do setor de Medicina Comportamental da Unifesp. Depressão e baixa autoestima são alguns exemplos de problemas que podem ser trabalhados com a jardinagem, de acordo com ele. "Ver algo brotar da terra, sabendo que fomos responsáveis pela semente, é algo muito gratificante. De certa forma, é uma criação nossa e, portanto, um motivo de orgulho e satisfação", completa. 
 
Plantar é cuidar
 
A jardinagem também pode ajudar a desenvolver outras habilidades, como a responsabilidade e a disciplina, já que um jardim demanda cuidados constantes. "As plantas vivem em eterno processo de desenvolvimento. Portanto, sua manutenção periódica é fundamental para garantir sua saúde, harmonia e beleza", acrescenta Solange de Oliveira, professora do curso de jardinagem do Senac - Limeira, interior de São Paulo. 
 
Como vantagem adicional, não há muitas regras para se montar uma área verde em casa. O único cuidado é que o jardim seja planejado de acordo com o espaço disponível. Quem não tem um quintal grande pode utilizar jardineiras e vasos. "A valorização da área vai depender da criatividade de cada um", destaca Solange. Também é interessante pesquisar as melhores espécies para o seu caso, considerando a incidência de luz, por exemplo. Quando for adquiri-las, pergunte ao vendedor a periodicidade indicada para rega e poda. No mais, vale investir em alguns acessórios básicos que vão permitir que você se aventure no mundo da jardinagem e colha os benefícios.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Casa e Decoração
do UOL
Folha de S.Paulo
do UOL
Casa e Decoração
Casa e Decoração
Revista Ana Maria
Virgula
Yes Wedding
Deutsche Welle
do UOL
do UOL
Vírgula Comportamento
UOL Casa e Decoração
Folha de S.Paulo
do UOL
It mãe
Casa e Decoração
Yes Wedding
Casa e Decoração
Folha de S.Paulo
BBel
Casa e Decoração
Bbel
Casa e Decoração
Folha de S. Paulo
BBel
Arquitetura & Construção
Casa e Decoração
Folha de S. Paulo
Casa e Decoração
Folha de S.Paulo
Casa e Decoração
BBC
Casa e Decoração
Folha de S. Paulo
Revista Minha Casa
Folha de S. Paulo
Casa e Decoração
Revista Minha Casa
BBC
Revista Ana Maria
Casa e Decoração
do UOL
Arquitetura & Construção
Casa Linda
Folha de S.Paulo
Casa e Decoração
Topo