Casa e decoração

Materiais práticos e marcenaria inteligente renovam miniapê no Rio

Silvana Maria Rosso

Do UOL, em São Paulo

28/07/2015 09h51

O apartamento de um dormitório com 34 m² em um prédio de Copacabana, no Rio de Janeiro, tinha acabamentos antigos e desgastados e iluminação deficiente, características acumuladas desde a década de 1970 e reforçadas por reformas pontuais realizadas no correr dos anos. Porém, a localização privilegiada oferece ao espaço a brisa do mar e o frescor da Mata Atlântica, presente na subida do Parque do Cantagalo: era algo a ser levado em conta.

Fabiano Ravaglia, o dono do apê e sócio do escritório de arquitetura Ravaglia & Philot, se auto define como sendo do tipo caseiro que recebe os amigos para jantar e conversar. Por ser arquiteto, aproveitou a oportunidade para fazer suas experimentações, transformando o lugar em um canto com máximo conforto, apropriado para o isolamento quando necessário.

Luz, cor e recursos práticos

"Nesse apartamento fiz uma série de estudos de tipos de iluminação, detalhamentos de marcenaria e combinação de cores. Estar em casa para mim significa entrar em contato comigo mesmo", diz Fabiano. A proposta foi renovar rapidamente o imóvel com alguns recursos práticos, como o laminado Carvalho Viena (Durafloor), aplicado sobre o piso existente.  

A porta de entrada e as paredes adjacentes foram revestidas com freijó lavado – mesmo padrão usado no rack da sala - e a nova pintura trouxe mais luz e amplitude aos ambientes, que têm claridade controlada por cortinas de poliéster – material de fácil manutenção que não amassa –, da coleção Dias (Orlean).

Mais mudanças

Na sala composta de estar e jantar, o ponto alto é a marcenaria sob medida, que otimiza o espaço: um móvel multiuso cumpre várias funções e as prateleiras de freijó ampliam a possibilidade de organização dos objetos. Para separar ou integrar o ambiente ao quarto, uma porta de correr foi executada em freijó e espelho. O intuito é que o elemento assuma caráter decorativo e funcional, uma vez que amplia a mesa de jantar e divide os espaços.

No quarto, a transformação concentrou-se na troca dos armários e em sua nova disposição, que oculta o acesso ao banheiro e aproveita bem o perímetro do ambiente. Para isso, toda a estrutura foi feita em madeira maciça de freijó, o que torna os módulos bem resistentes para suportar o peso de portas de correr piso-teto com 2,6 m de altura.

Ficha técnica

Apê Copacabana, Copacabana, Rio de Janeiro (RJ)

Projeto de Ravaglia & Philot

Detalhes do projeto
  • Área Construída 34 m²
  • Início do Projeto junho de 2014
  • Conclusão da Obra setembro de 2014
  • Projeto Ravaglia & Philot
  • Projeto de Arquitetura Ravaglia & Philot
  • Projeto de Decoração Ravaglia & Philot
  • Projeto Luminotécnico Ravaglia & Philot
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Folha de S.Paulo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo