Casamento

Duas mil flores de açúcar decoram o bolo de casamento em Mônaco

Mônaco, 2 jul (EFE).- Duas mil flores de açúcar coroam neste sábado o bolo de casamento dos príncipes Albert II e Charlene de Mônaco, formado por sete andares, um metro e meio de diâmetro e dois e meio de altura, informa um comunicado do Principado.

Os 500 convidados da cerimônia religiosa deste sábado poderão apreciar e degustar um bolo de amêndoas, "com uma fina compota de groselhas e mousse light de baunilha, recoberto de chocolate branco e de algumas pérolas de groselha".

Até as flores de açúcar fazem homenagem ao país de criação da noiva. Elas simbolizam a prótea, flor nacional da África do Sul.

"Tão elaborado quanto simples em sua intenção", diz o comunicado. Segundo o Principado, o banquete, servido nesta noite na Ópera Garnier, terá também 150 quilos de peixe de dez tipos diferentes, 50 quilos de morangos, 30 de amoras e 20 de framboesas, assim como 100 litros de leite para elaborar o sorvete que acompanha uma das sobremesas.

Como entrada, serão servidos "barbagiuan", uma espécie de empanada com massa fina, recheada de espinafres, alho-poró, cebola, salsa, manjericão e, entre outros ingredientes, ovo e queijo parmesão.

Na sequência, em um prato "grande, ovalado e generoso", o menu incluirá verduras e tainha marinada, pescada por Gérard Rinaldi, da última família de pescadores em Mônaco.

O cardápio prossegue com trigo cozido com cenouras, alcachofras, alho-poró, ervilhas, aipo e cogumelos, "uma homenagem à cozinha saudável, modesta e saborosa".

E antes de passar às sobremesas, camarões dourados, linguado e polvo, acompanhados de batatas, "aludem às cenas míticas das antigas ribeiras, brilhantes e repletas de azul".

Já na parte doce, a primeira das duas sobremesas é servida em uma taça de cristal, composta por morangos, framboesas e amoras colhidas nesta mesma manhã, sobre uma porção de gelatina light, prestando homenagem ao vermelho, uma das cores nacionais do Principado.

A mesa de honra estava disposta em forma de "T" e distribuiu em uma das pontas Albert II, Charlene e seus respectivos familiares, enquanto na outra ponta ficavam chefes de Estado e membros das famílias reais.

Os demais convidados, segundo o comunicado, foram distribuídos em mesas-redondas de dez assentos. Após degustarem o jantar, todos poderão admirar o espetáculo de fogos de artifício e o baile de encerramento do dia.

O chef francês Alain Ducasse, encarregado da elaboração do jantar oficial do casamento, afirmou na sexta-feira que os convidados teriam um menu "magnífico, elegante e saudável" tanto para degustar quanto para observar.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Casamento
redetv
RedeTV! Entretenimento
do UOL
UOL Estilo
do UOL
Finanças Pessoais - Investimentos
do UOL
do UOL
Casamento
UOL Economia
Notícias - AFP - Internacional
do UOL
do UOL
Erratas
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Economia
do UOL
UOL Economia
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Casamento
Casamento
Redação
do UOL
do UOL
Casamento
Virgula
UOL Economia
Virgula
Casamento
Casamento
do UOL
Casamento
Casamento
Folha de S. Paulo
do UOL
Moda
do UOL
Topo