Casamento

Noivo cadeirante faz coreografia especial para dançar em seu casamento

Thamires Andrade

Do UOL

10/05/2017 04h00

"When your legs don't work like they used to before and I can't sweep you off of your feet" ("Quando suas pernas não funcionarem como antes e eu não puder te carregar no colo"). A letra da canção "Thinking Out Loud" do cantor britânico Ed Sheeran embalou a primeira dança dos noivos Jessica Luiza, 22, e Lukas Gonçalves, 27, de Cruzeiro, no interior de São Paulo. A escolha da música foi feita pelo dois mesmo sem saber que o início da letra tem a ver com a história do casal.

Em dezembro de 2015, Gonçalves sofreu um acidente de moto enquanto voltava do trabalho para casa que o deixou paraplégico. O casamento dele e de Jessica, que já estava marcado para outubro de 2016, precisou mudar de data para que ele pudesse se recuperar do acidente.

"Ele estava voltando para a casa do trabalho de moto e chovia muito. A moto deslizou na pista e ele precisou passar por uma cirurgia porque a primeira e a segunda vértebra do pescoço foram pinçadas. Depois do procedimento, descobrimos que o movimento das pernas estava paralisado. Tivemos que mudar a data do casamento até para conseguir arcar com fisioterapia, remédio e várias outras coisas para o tratamento", contou Jessica em entrevista ao UOL.

Dança no dia do casamento

O casal, então, remarcou a cerimônia para o dia 29 de abril de 2017. Ainda que os dois fossem caseiros no dia a dia mesmo antes do acidente, Jessica conta que Lukas adorava dançar sempre que tinha uma oportunidade, como uma festa de aniversário ou de casamento.

"E eu também sempre quis ter essa primeira dança no meu casamento. Então, escolhemos essa música do Ed Sheeran que é romântica e delicada, além de outras canções mais animadas também, e pedimos para uma amiga que é professora de Educação Física nos ajudar com a coreografia", conta.

Segundo Jessica, realizar o sonho de casar e fazer a dança a dois foi algo que trouxe muita felicidade e animação para os dois. "Sempre foi nosso sonho casar. Quando tivemos que mudar a data da festa por causa das contas foi difícil. Nós que fizemos todos os detalhes do casamento, como a lembrancinha e a decoração, e foi muito bom ver que tudo ficou como queríamos. A cadeira de rodas não impediu nosso sonho de casar e nem de dançar juntos"

Mudanças no relacionamento

Ainda que o acidente não tenha impedido Jessica e Lukas de realizar seus sonhos, muita coisa muito na vida a dois. Uma das maiores mudanças foi que após o acidente Jessica se mudou para a casa de Lukas para cuidar dele.

"Não passou pela cabeça dele que eu fosse desistir da gente. Antes do acidente, cada um morava na sua casa. Depois, fiquei muito tempo no hospital com ele e quando ele saiu de lá passei a morar na casa da mãe dele. Ela trabalhava, então, eu ficava cuidando dele o dia todo", conta.

Para Jessica, o acidente fez com que o casal ficasse ainda mais junto e tivesse noção do tamanho da fé que eles têm. "Nós já éramos grudados e unidos em tudo. Mas acho que depois do acidente, nós ficamos ainda mais juntos. Ele trabalhava e agora não trabalha mais, a gente fica junto o dia todo", diz.

O casal também precisou se reinventar na vida sexual. "O médico que acompanha a fisioterapia conversa muito com a gente sobre essa questão, já que muita coisa mudou. A gente precisa pensar em novas coisas para a parte sexual e está dando certo", conta.

Recuperação

Atualmente Lukas segue com a fisioterapia e Jessica tem esperança que o marido volte a andar um dia. "É um processo lento. Ele ainda não mexe as pernas, não anda, nem fica em pé. Os médicos não cravam se ele vai ou não voltar a andar, mas a gente crê que ele ainda conseguirá", fala.

Jessica segue dedicada a cuidar do marido e pretende, quando ele ficar melhor, fazer uma faculdade. O curso? Enfermagem. "Depois desse tempo todo cuidando dele, me identifiquei muito com a profissão e decidi que é isso que eu quero seguir"

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Economia
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
RedeTV! Entretenimento
RedeTV! Entretenimento
RedeTV! Entretenimento
RedeTV! Entretenimento
do UOL
do UOL
Topo