Comportamento

As piores coisas para falar (e ouvir) no fim do relacionamento

Getty Images
Levar um pé na munda não é nada fácil Imagem: Getty Images

Daniela Carasco

do UOL, em São Paulo

01/11/2017 04h00

Há quem diga que terminar um relacionamento seja pior do que levar um pé na bunda. Mas só quem já foi rejeitado sabe a dor (e aí não tem delícia) de ouvir a justificativa de um fora. Por isso, consultamos mulheres que já superaram o luto do fim, sem apagar da memória as piores coisas que já ouviram no término. Não repita isso em casa!

  • "Te amo como pessoa, não mais como mulher"

    "A gente namorava há cinco anos. Nos últimos dois, ele já não queria mais transar. E aí me soltou essa bomba, que detonou minha autoestima. Fiquei meses tentando melhorar minha imagem, parecer sedutora. Entrei numa fase de querer transar com todo mundo, só para me provar como mulher. Um ano depois, encontrei uma nova ex-namorada dele. Ela ouviu a mesma justificativa." - Karine Correa, 30 anos

  • "Estou cheio de problemas"

    "Estávamos juntos há cinco meses, e do nada ele começou a me dar perdidos. Nessa época, ele estava passando por instabilidade profissional e precisava mudar de casa. Foram incontáveis mensagens ignoradas, até a resposta final, por Whatsapp: 'estou cheio de problemas e não quero te envolver neles'. A impressão foi a de que eu era mais um deles. Fiquei mal, muito mal." - Daiane Cardoso, 30 anos

  • ''Podemos ficar amigos, vou estar sempre aqui para ti''

    "Estávamos juntos há cinco anos e ele chegou em casa dizendo que nosso namoro não funcionada mais, queria passar um tempo sozinho. Fiquei em choque e caí no choro. Acho que para me consolar, ele sugeriu que continuássemos amigos. De que jeito? Por mais que a intenção fosse boa, me senti rebaixada. Meu único desejo era não ter que olhar mais para a cara dele, e foi o que aconteceu." - Roberta Santos, 28 anos

  • "Preciso focar no trabalho"

    "A relação era de anos, até ele dizer que precisava focar no trabalho e nos projetos pessoais, não rolava investir tempo e cabeça em relacionamento naquele momento. Para mim, o recado era claro: desculpinha para quem quer curtir a vida. Era só um novo jeito de dizer que não gostava de mim para continuar. Reatamos e jogo isso na cara dele até hoje. Ele foi um descartador." - Caroline Queiroz, 30 anos.

  • "Nunca te amei de verdade"

    "Não há nada pior do que a sensação de desprezo. Estávamos juntos há pouco mais de um ano, quando, inesperadamente, ele disse queria terminar. Foi bem numa fase boa, sem brigas. Insisti por justificativas. Ele disse que tinha se esforçado, mas não tinha conseguido me amar. Me sentir insuportável, foi terrível. Demorei um tempo até conseguir me relacionar de novo" - Joyce Camargo, 26 anos

  • "Estou apaixonado por outra"

    "Namorávamos há seis meses, quando viajei para fazer intercâmbio. Decidimos continuar juntos. Nos falávamos por telefone diariamente, até ele parar de me atender. Dias depois, recebi um e-mail, era ele dizendo que, sem querer, tinha ficado com uma das minhas melhores amigas e (surpresa!) estava apaixonado. Se estivesse no país, teria dado um jeito de castrar os dois" - Verônica Dias, 29 anos

  • "Você me torna humano demais"

    "Meu ex-marido era do tipo antissocial, já eu estava sempre rodeada de amigos. Depois de dois anos de casamento, ele pediu o divórcio, disse que esperava que minhas habilidades sociais fossem levá-lo a conhecer pessoas mais estratégicas. Como se não bastasse, acrescentou que nossa relação o fazia ser 'humano demais' e que queria ser mais frio, 'até um pouco psicopata'." - Vanessa Couto, 33 anos

  • "Que tal um sexo de despedida?"

    "Estávamos há poucos meses juntos, mas o suficiente para ter conhecido toda a família e amigos. Só que a relação foi esfriando e, naturalmente, chegou a hora de colocar um ponto final. Ele me chamou então na casa dele e terminou comigo lá. Ainda chorando, tive que ouvir ele propor um sexo de despedida. Péssimo." - Fernanda Cirqueira, 31 anos

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
BBC
Redação
BBC
BBC
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog do Fred Mattos
Blog da Morango
do UOL
Redação
Redação
BBC
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog da Ísis
Redação
Blog da Morango
Redação
BBC
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo