Comportamento

Experimente 9 dicas infalíveis para atingir orgasmos mais longos e intensos

Getty Images
Imagem: Getty Images

Heloísa Noronha

Colaboração para o UOL

21/07/2017 04h00

Descobrir a posição perfeita e usar brinquedos eróticos, entre outras coisas, podem fazê-la gozar como nunca! Quer ver? Temos nove dicas para orgasmos mais longos e intensos. As ideias são da Carla Cecarello, sexóloga consultora do site C-Date e fundadora da Associação Brasileira de Sexualidade; Leila Campos, consultora de saúde e educação sexual filiada à Associação Brasileira dos Profissionais de Saúde, Educação e Terapia Sexual e Rose Villela, psicóloga com especialização em sexualidade.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Sinta-se lacradora e poderosa

    Autoconfiança é tudo nessa vida, ainda mais quando o assunto é sexo. Para despertar a deusa do amor que existe em você, nada melhor do que se produzir de um jeito que você se sinta incrível. Pode ser um conjunto de calcinha e sutiã bem basiquinho ou uma lingerie de renda matadora, não importa. O que interessa é que você se contemple no espelho e se sinta gostosa e segura com o que vê.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Expire, inspire, expire...

    Você sabia que dá para controlar a excitação através da respiração? No meio da loucura toda da pegação, tente dar uma desacelarada no ritmo ofegante: preste atenção no jeito como expira e inspira o ar, enquanto faz um relaxamento consciente dos músculos do bumbum, das pernas e dos quadris. Pode apostar: a tensão vai diminuir e o tesão, aumentar.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Malhação íntima

    As especialistas em pompoarismo experimentam mais prazer porque sabem dominar a musculatura do canal vaginal. Na penetração, elas fazem contrações que causam mais atrito com o pinto, intensificando as sensações. Você pode treinar diariamente: em casa, no trabalho, na sala de espera do dentista. Basta contrair e descontrair a vagina, diversas vezes, como se quisesse segurar o xixi, por alguns minutinhos.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Clitóris, seu melhor amigo

    Você conhece bem seu clitóris? Tem certeza? Faça uma exploração minuciosa: coloque um espelho em frente à vulva e se toque. Abra bem os grandes lábios e deixe o clitóris à mostra. Dedilhe tudo, em volta e na cabecinha, com movimentos circulares, de cima para baixo, transversais. Varie intensidade, pressão, ritmo. Assim você descobrirá o que ativa seu tesão (e pode ensinar a outra pessoa como é que se faz).

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Direto ao ponto? Não!

    Quando estiver com alguém, no entanto, a estimulação no clitóris deve ser a cereja do bolo do sexo, ou seja, precisa ser deixada para o final. Antes, peça ao par para prolongar ao máximo a sua excitação, principalmente ao redor do botãozinho. Somente quando você estiver bem molhada e o clitóris, inchado, é que ele pode ser tocado e estimulado.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Seja egoísta

    Em vez de se preocupar se o par está ou não gostando da transa, foque 100% da sua atenção para si mesma e para o seu prazer. Ao se concentrar totalmente nas próprias sensações, a possibilidade de se excitar mais aumenta --e muito!

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Entre quatro paredes, pode tudo

    Esqueça os velhos conceitos sobre certo e errado, sujo e limpo, feio e bonito que ainda permeiam a sexualidade feminina. Faça o que lhe der na telha! Para gozar de uma maneira fabulosa, é preciso deixar os tabus e as paranoias bem longe da cama. Quanto mais safada você se permitir ser, mais solta e livre para explorar os seus desejos vai se sentir.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Posição nota 10

    Embora o clitóris seja a principal área do prazer, muitas mulheres gostam de gozar com a penetração vaginal. Se você faz parte desse time, use a ténica da "manobra de ponte", que nada mais é do que ficar por cima do cara, sentando no pinto. Desse jeito, um dos dois pode brincar com o clitóris enquanto você cavalga. O ideal é que você mesma se toque, assim administra o ritmo e a intensidade e o cara fica com as mãos livres para estimular os seus mamilos.

  • Imagem: Getty Images
    Getty Images
    Imagem: Getty Images

    Recorra a um brinquedinho

    Vale a pena ter à mão um vibrador do tipo bullet, aquele pequenininho, discreto e superpotente. Depois de gozar, use o bullet para pra estimular o clitóris e sinta a sensação orgástica durar muito mais tempo. Outro acessório sexual que vale a pena experimentar são os vibradores específicos para o ponto G. Você pode usá-lo sozinha ou pedir para o par movimentá-lo enquanto os dedos percorrem o clitóris.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Blog da Morango
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog da Morango
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Casamento
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
UOL Estilo
Comportamento
BBC
Redação
comportamento
UOL Estilo
Redação
Redação
Redação
Topo