Comportamento

5 hábitos simples que podem te ajudar a juntar mais dinheiro em 2017

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Do UOL, em São Paulo

02/01/2017 16h28

A Mega da Virada não foi para o seu bolso? Então é hora de pensar em outras estratégias para fazer o dinheiro render (e se multiplicar) em 2017. Mas, eis a boa notícia: não é preciso nenhum plano mirabolante para isso. Com pequenas mudanças de hábito, dá para começar a alterar sua relação com seu salário e estabelecer uma nova história para o ano que começa. Duvida? Dê uma lida abaixo nas sugestões e teste. 

  • Veja onde estão os gastos secretos

    Sabe aquela história de que "se organizar direitinho, todo mundo aproveita"? Aplique isso às suas finanças. Sim, isso signifca que você precisa sentar e fazer as contas para ver para onde o dinheiro está indo. Os gastos que fazem mais estrago na conta bancária são justamente aqueles que são pequenos o suficiente para passarem despercebidos no dia a dia - o táxi que é pago direto pelo aplicativo, o docinho comprado por impulso na fila do supermercado... Adote a tática de anotar tudo o que gasta (até mesmo as compras pequenas) e, depois, veja onde é possível economizar. Leia mais

  • Economize o equivalente a uma hora de seu salário

    Para começar um pé-de-meia, qualquer quantia ajuda. Uma forma de criar o hábito de poupar é separar uma quantia fixa do salário. Alguns especialistas sugerem, por exemplo, guardar o equivalente a uma hora de seu salário todos os dias - o valor pode ser pequeno, mas no fim do mês rende um bom dinheiro.

  • Anote seus objetivos

    Sonhar, diz o ditado, é de graça e ainda não paga imposto. Mas só sonhar também não resolve muita coisa quando você quer melhorar o estado do saldo bancário. Se você tem um plano em mente - seja comprar um carro novo, renovar o guarda-roupa ou viajar - o jeito é anotar tudo e planejar como vai conseguir o que tem em mente. Aqui, a sugestão é manter os pés no chão e não pensar em planos mirabolantes: comece com o que você tem, antes de apelar para empréstimos, por exemplo.

  • Aprenda como se faz

    Como todo tipo de atividade, saber economizar é uma arte que pode ser aprendida - mas, para aprender, é preciso estudar. Não tenha medo de procurar ajuda especializada para destrinchar o mercado financeiro: perguntando para quem entende, é possível rever seus gastos e organizar a vida de maneira mais clara. Uma boa conversa com o gerente de sua conta, por exemplo, pode esclarecer como investir de acordo com seu perfil e com seu estilo de vida.

  • Ponha os "inimigos" no papel

    Assim como você anota seus objetivos, crie o hábito de anotar quais os problemas que você enfrenta para organizar as finanças. Quais são as maneiras de melhorar suas fontes de renda? Onde você gasta mais dinheiro? Uma avaliação honesta, logo no começo do ano, pode ser bastante eficaz para criar o hábito de ser mais responsável com seus gastos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
do UOL
Blog do Fred Mattos
Comportamento
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog da Morango
Redação
BBC
Redação
do UOL
Redação
Redação
BBC
Redação
BBC
Redação
Beleza e maternidade
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Comportamento
do UOL
do UOL
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo