Equilíbrio

Contra estresse, argentinos recorrem a 'clube do quebra-quebra'

Argentinos que se sentem nervosos, frustados ou estressados no trabalho têm agora um caminho alternativo para aliviar sua tensão.

Os moradores de Buenos Aires agora estão recorrendo ao Break Club, um "clube do quebra-quebra".

No local, é possível, mediante pagamento, esmagar e destruir objetos só para relaxar.

Segundo o criador do projeto, Guido Dodero, 85% dos integrantes do Break Club são mulheres.

Ele atribui o fato ao suposto machismo argentino e à pressão que as mulheres sofrem para se encaixar em padrões pré-definidos.

 

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo