Comportamento

Denúncias por agressões sexuais disparam na França depois de caso Weinstein

Alexander Koerner/Getty Images
O produtor de cinema Harvey Weinstein Imagem: Alexander Koerner/Getty Images

da EFE, em Paris

25/01/2018 09h06

As denúncias por estupros e agressões sexuais na França, que estavam caindo nos três primeiros trimestres de 2017, dispararam no último devido ao caso do produtor de cinema americano Harvey Weinstein.

O ministro do Interior francês, Gérard Collomb, reconheceu hoje que "há um efeito Weinstein", ao comentar em uma entrevista à emissora de rádio "Europe 1" as estatísticas do crime do ano passado divulgadas pelo seu ministério.

Veja também

Collomb especificou que o aumento, em qualquer caso, vem de antes, e o vinculou também aos programas de sensibilização nas delegacias e porque a polícia "leva em conta essa problemática".

No ano passado foram contabilizadas 16.400 denúncias de estupros na França, o que significa alta de 12% em relação a 2016, mas o ritmo de aumento foi significativamente superior no quarto trimestre (de 17,9%, com 4.400).

No caso das agressões sexuais, no conjunto do ano foram declaradas 24 mil, com alta de 9,8%. Nos três últimos meses do exercício houve 6.800, com uma progressão do 31,5%.

O Ministério do Interior indicou que no ano passado houve 825 vítimas de homicídios no país, contra 892 de 2016 e 872 de 2015.

Apesar da baixa, o de 2017 foi um número relativamente elevado se for levado em conta que o número de mortos por atentados terroristas caiu para 3, em relação às dezenas dos dois anos anteriores.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Redação
Redação
Redação
Blog Em Desconstrução
Redação
ANSA
Blog Alto Astral
Blog Extraordinárias
Blog da Morango
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Blog Alto Astral
Redação
Redação
Blog Alto Astral
Blog Deu Match
Redação
do UOL
Redação
EFE
Blog Extraordinárias
Blog Alto Astral
Blog da Morango
Redação
AFP
Redação
EFE
BBC
Blog Alto Astral
Blog Deu Match
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog Alto Astral
do UOL
Redação
Redação
do UOL
AFP
Redação
Redação
Blog Deu Match
Redação
Blog Extraordinárias
Topo