Comportamento

Redes sociais são usadas como um meio para agressão

Colaboração para o UOL

14/04/2010 14h28

Um fator que tem colocado o bullying como pauta constante da mídia são as redes sociais, instrumentos que podem ser utilizados de modo benéfico ou maléfico. “Quando a tecnologia passou a ser usada como meio de agressão, os efeitos devastadores sobre as vítimas aumentaram significativamente: no cyberbullying, a perseguição implacável por meio do celular, dos sites de relacionamento e dos sites de vídeos pode acontecer sete dias por semana, 24 horas por dia. É desesperador”, lamenta a psicóloga Maria Tereza Maldonado, do Rio de Janeiro, membro da American Family Therapy Academy, e autora do livro "A Face Oculta – Uma história de bullying e cyberbullying", da Editora Saraiva.

 

Para os especialistas, a escola e a comunidade, de uma forma geral, devem promover programas antibullying que envolvam toda a equipe, os alunos e as famílias no sentido de criar uma cultura de não tolerância às ações do bullying e do cyberbullying. É preciso colocar os limites devidos e as consequências cabíveis às condutas de agressão, estimular a expansão dos recursos para fortalecer as vítimas e propiciar aos agressores o bom uso de suas capacidades de liderança e o aumento da empatia, estimulando a ação eficaz das testemunhas.

 

O resultado é a melhoria da qualidade dos relacionamentos e o uso responsável da tecnologia. “Quando a escola adota uma postura clara de não tolerância ao bullying, pode elaborar um ‘contrato de convivência’ a ser apresentado à família no ato da matrícula e a ser trabalhado com todos os alunos e a equipe no cotidiano da escola. O contrato de convivência coloca regras claras, evita muitos episódios de agressão, mas mesmo assim há os transgressores que gostam de testar os limites para ver se as consequências combinadas realmente acontecerão ou se tudo ‘acabará em pizza’. Portanto, episódios de bullying acontecerão e precisarão ser abordados”, comenta Maria Tereza Maldonado. (Fernanda Junqueira)


 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

EFE
BBC
EFE
Blog Alto Astral
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
BBC
BBC
BBC
Blog do Fred Mattos
Blog Alto Astral
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
ANSA
Redação
Blog Alto Astral
Redação
Redação
Redação
Da Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
ANSA
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
EFE
BBC
BBC
do UOL
Redação
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
ANSA
Sem Filtro
Redação
Topo